in

Casal Orc Infernall e mulher-morcego: eles começaram a se tatuar aos 15 anos e não pararam mais

Tatuador decide virar Orc infernall e encontra sua alma gêmea, a mulher-morcego.

G1
Publicidade

Um casal morador do Mato Grosso do Sul está fazendo o maior sucesso nas redes sociais devido à sua transformação corporal. Ambos começaram com as tatuagens aos 15 anos e há dois são casados. Chamados de Orc Infernall e mulher-morcego, o casal fez diversas modificações no corpo. Orc e mulher-morcego são tatuadores e body piercing e fazem as modificações um no outro, além disso, percorrem o Brasil desenvolvendo o trabalho. 

Em entrevista ao G1, Orc deu detalhes de quando e como começou as modificações mais impressionantes. O rosto começou a receber as primeiras pinturas em 2013, logo em seguida ele partiu para a tatuagem dos olhos, que é chamado de eyball. Outra alteração foi a tongue splitting, que é quando a língua é cortada.

Outras regiões alteradas foram, os lóbulos da orelha, nariz e boca. Contudo, a ideia inicial não era se transformar no personagem assustador. “Tem seis meses que eu idealizei e comecei a estudar mais sobre”, disse Orc ao site citado. Ele explica que fez um estudo para chegar nesse resultado e que as tatuagens são feitas pela esposa. O tatuador tem uma filha de 6 anos que não tem nenhum medo da forma física do pai e até se diverte com ele. 

Publicidade

Com a transformação, o homem assumiu a identidade de Orc e não usa mais o nome de pessoa física. No Instagram também, o sucesso é grande e em apenas 3 meses, o perfil alcançou os 20 mil seguidores. Com 41 anos, o tatuador revela que pretende continuar com a transformação e vai inserir mais duas presas na boca. 

Publicidade

Sua esposa fez a primeira tatuagem com uma prima e não parou mais, também, embora um pouco mais lento que o companheiro. Foi só quando se casou, que ela começou a preencher o corpo com as tatuagens. “Tive a oportunidade de me tatuar, de me modificar mais e fiquei super alegre”, disse a moça de 25 anos que quer ser chamada de mulher-morcego.

Ariane

Escrito por Ariane

Formada em pedagogia em 2011, atuo como redatora desde 2015. Produzo conteúdo sobre o que sou fã. Séries, músicas e tudo que envolve o mundo pop.