in

Este homem é pago para contar todos os segredos dos mortos durante seus funerais

Mesmo sendo um trabalho muitas vezes constrangedor, o profissional é bem pago.

BBC
Publicidade

Em vida, muitas pessoas têm segredos a esconder, considerando que, dependendo do que está oculto, pode chegar a ser punido pelo que fez. E se você pudesse contar tudo o que escondeu enquanto estava vivo sem receber nenhuma punição? Pois bem, é possível!

Bill Edgar é um americano que tem ficado conhecido pelo mundo como ‘confessor de caixões’, considerando seu emprego atual. Ele trabalha trazendo à tona segredo dos mortos, a pedido deles mesmos, o que pode ser bastante estranho. 

Bill revelou que tudo começou quando ele fazia trabalho como detetive particular para um homem. O cliente havia dito que gostaria de fazer algo em seu funeral, então o profissional deu a sugestão de que ele fizesse um encômio.

Publicidade

O cliente então disse que sua família não gostaria do que ele tinha a dizer e provavelmente não leria o que queria dizer. “Então, me ofereci para falar em nome dele“, disse Bill Edgar, que desde então trabalha como confessor de caixões.

Publicidade

O serviço do profissional é ir em velórios, a mando dos clientes, para trazer a público alguns segredos envolvendo drogas, traições, crimes e tudo mais que eles queriam revelar, mas não queriam ou não podiam estando em vida.

Bill conta que uma vez um de seus clientes escreveu uma carta com segredo de seus melhor amigos e mandou que ele lesse em seu funeral: “Tive que dizer a ele para sentar e calar a boca e ouvir o que seu amigo me deixou para ler. E foi que seu melhor amigo estava tentando seduzir sua esposa enquanto este homem estava em seu leito de morte“, disse. Pelo trabalho, Bill ganha cerca de US$ 7 mil (R$ 38 mil).

Publicidade
Aurilane Alves

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.