in

Declarada como morta, idosa passa a noite no necrotério e dá susto em todos ao acordar

Idosa passou mais de cinco horas no setor de necrotério do hospital após ser dada como morta.

UOL
Publicidade

Um caso inusitado e assustador ocorreu em um hospital situado no distrito de Gorschensky, na Rússia. Oficialmente declarada como morta, uma idosa de 81 anos acabou acordando horas depois dentro do necrotério da unidade hospital no último dia 14 de agosto.

Identificada como Zinaida Kononova, a mulher realizou um procedimento de desobstrução intestinal e, de acordo com a equipe médica responsável pelo acompanhamento da idosa, ela não apresentou nenhuma reação de sinais vitais. A família foi informada do falecimento da senhora e horas depois ela foi conduzida para o necrotério.

Depois de sete horas alocada no necrotério, a senhora “reviveu”. Ela foi encontrada caída por uma funcionária, após tentar levantar de uma cama, onde habitualmente ficam os corpos sem vida. Ao se deparar com a cena, um motorista de ambulância achou que a funcionária estava conversando com um cadáver. Tomando conhecimento de que se tratava do contrário, ele correu para ajudá-las.

Publicidade

Processo

Depois do fato inusitado, o hospital entrou em contato com a sobrinha da idosa para revelar que ela não havia morrido. Segundo um médico anestesista, a unidade hospitalar errou ao enviar a idosa para o necrotério antes de completar duas horas da realização do procedimento que ela fez.

Publicidade
Publicidade

A família de Zinaide se organiza para processar o hospital pelos danos e diagnóstico equivocado. De acordo com o The Daily Mail, o chefe do hospital afirmou que a equipe tentou reanimar a paciente por 30 minutos, mas não obteve sucesso. Uma investigação foi iniciada.

Segundo o portal de notícias da Croácia Index.hr e jornal The Independent, a senhora de 81 anos acabou falecendo cinco dias depois do ocorrido.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade