in

A triste história do menino que perdeu parte do crânio para salvar a mãe de um abuso

A história do super herói da vida real chamou a até de todo o mundo e comoveu as pessoas com o que aconteceu.

Olho na tela
Publicidade

O ser humano possui a tendência a evitar que coisas ruins aconteçam em sua frente, por exemplo, se alguém ver um idoso sendo agredido em sua frente, Com certeza, tentar a intervir a defesa do velhinho. Essa tendência se torna mais forte quando se trata de alguém conhecido ou de sua família. 

Foi o que aconteceu com o menino Vanya Krapivin. Ele morava na Rússia com a mãe e passou por uma experiência horrível, que o fez perder parte de seu crânio. Infelizmente, essa não é uma história com final feliz, trata-se de um trágico e triste acontecimento. 

Vanya Krapivin tinha 16 anos e frequentava a escola regularmente. Um dia, o menino estava chegando em casa da escola e percebeu uma movimentação estranha em sua casa. Sua mãe estava deitada e um vizinho estava em cima dela, que ensanguentada, lutava contra a tentativa de estupro que estava sofrendo.

Publicidade

O filho, quando viu a cena não pensou duas vezes e pegou um alqueire de três quilos para jogar na cabeça do agressor, mas o homem foi mais rápido, tomou o objeto de suas mãos e tacou em sua cabeça. O menino desmaiou na hora e o homem fugiu. Vizinhos que ouviram os gritos entraram na casa e encontraram a mãe e o filho desacordados. Os dois estavam envoltos em uma poça de sangue. 

Publicidade
Publicidade

Infelizmente o menino não sobreviveu

O menino perdeu parte do crânio, passou por diversas cirurgias e ficou 9 meses em coma, a mãe havia tomado 27 facadas e sofrido uma tentativa de estupro, mesmo assim conseguiu se recuperar. O menino acordou depois de todos os meses internado, e apesar de ter recebido ajuda por meio de uma vaquinha para comprar placas para seu crânio, faleceu depois de contrair uma gripe. 

Sua mãe se sente culpada até hoje pela morte do filho. O homem que cometeu a atrocidade contra a família foi capturado e preso. Em julgamento, foi condenado pelo assassinato do menino e a tentativa de assassinato da mãe do adolescente.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Tatiane Braz

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática. Faça contato comigo: tatianebraz1998@gmail.com