in

Grávida morre 2 dias após cesariana de emergência devido à quadro grave de Covid-19

A grávida precisou passar por uma cesariana de emergência, depois que seu estado de saúde apresentou piora.

Divulgação/G1
Publicidade

A pandemia do novo coronavírus surgiu no final de 2019 na China, e desde então a enfermidade se espalhou pelo mundo inteiro se tornando uma das maiores preocupações da atualidade. A doença já matou mais de meio milhão de pessoas no planeta e infectou milhares com o vírus.

No Brasil, a situação da pandemia é bem preocupante, já que o seu avanço continua acontecendo de forma exponencial. Muitas pessoas já perderam a vida por causa da Covid-19 no país. São quase 60 mil vítimas fatais do vírus e o número de pessoas que contraíram a doença passa de 1 milhão, um número considerado assustador.

Especialistas afirmam o pico da doença ainda não chegou ao país. O diretor da OMS – Organização Mundial de Saúde fez um alerta preocupante recentemente. Ele deixou muita gente assustada ao revelar que o pior ainda está por vir, ou seja, as coisas podem piorar bastante nos próximos dias.

Publicidade

No meio de tantas vidas perdidas, aos poucos as histórias vão se desenhando. Esse é o caso de uma grávida, que infelizmente não vai poder acompanhar o crescimento de sua bebê, pois se tornou mais uma das vítimas do vírus. Aos 39 anos, Solange Ramos morreu nesta última segunda-feira, 29 de junho.

Publicidade
Publicidade

Ela era moradora do município de Tangará da Serra, que fica localizado a 242 km de Cuiabá. A mulher foi transferida para o hospital da capital na última quinta-feira, após apresentar uma piora em seu quadro clínico. A gestante foi submetida a uma cesárea de emergência, na sexta-feira, 26 de junho.

Solange deu à luz a uma garotinha, que conforme informação dos familiares segue internada na UTI – neonatal. A mulher deixou o esposo e quatro filhos. A gestante foi a oitava vítima do coronavírus em sua cidade. O local já foi classificado pela Secretaria Estadual de Saúde como de alto risco para contaminação da Covid-19, por causa do grande crescimento dos casos da doença.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade