in

Falabella desabafa sobre preconceito: ‘quando a gente se aceita, o mundo nos aceita’

Miguel participou do Domingão do Faustão no último domingo (28) e relembrou fases de sua carreira.

Rede Globo
Publicidade

No último domingo (28), Miguel Falabella realizou uma participação no programa Domingão do Faustão. O diretor conversou com Faustão sobre o atual momento enfrentando pela sociedade acerca da pandemia causada pela Covid-19, além de falar sobre suas participações como jurado no quadro Show dos Famosos. Miguel foi presença constante durante os 31 anos de história do programa.

Miguel Falabella relatou como está sendo sua quarentena durante a pandemia, e afirmou que, no início, estaria mais relaxado, mas com o passar do tempo teria visto a necessidade de continuar a elaborar seus projetos. Confinado há cerca de quatro meses, o diretor falou sobre o processo de autoconhecimento, e sobre a capacidade de viver consigo mesmo.

Sobre o comportamento da sociedade em relação à pandemia, Miguel ressaltou que algumas pessoas já teriam começado a se transformar, mas que não acreditaria em uma grande transformação de um modo geral. O diretor afirmou que a partir do momento em que uma pessoa se reinventa, ela é capaz de transformar tudo à sua volta. Miguel afirmou, ainda, que o planeta estaria dando uma espécie de recado à sociedade, que estaria indo além dos limites.

Publicidade

Miguel Falabella abordou um assunto relevante, o preconceito. O ator contou que ao longo de sua vida, já havia sofrido preconceito em diversas esferas, mas teria conseguido lidar bem com a situação. “O importante é jamais permitir que um olhar de uma terceira pessoa te defina. Quando a gente se aceita, o mundo nos aceita. Hoje em dia, existe uma coisa genial que é o bloquear, a grande invenção da internet”, desabafou Miguel.

Publicidade

O diretor também abordou assuntos como o racismo estrutural e a democracia. Miguel afirmou que precisaríamos desaprender tudo aquilo que nos foi ensinado de forma errada, e ressaltou a importância do voto como principal arma para a transformação da sociedade.

Publicidade