in

Cariocas curtem o domingo como se não houvesse pandemia

Aglomerações voltaram a ser flagradas neste domingo, em praias e locais de lazer.

O Globo
Publicidade

A pandemia do coronavirús modificou a vida de toda população mundial, trabalhos não essenciais viraram home office, as áreas de lazer, os parques e praias foram fechadas, e a população ficou em casa respeitando a quarentena.

No Rio de Janeiro, o carioca que tem o costume de praticar esportes, ir às praias nos finais de semana, caminhar na orla, fazer exercícios físicos, mas tudo isso foi proibido durante a quarentena, e a vida dos cidadãos mudou completamente.

Carioca curte o domingo como se não houvesse pandemia

No início do mês, o prefeito Marcelo Crivella autorizou a flexibilização, liberando o retorno de algumas atividades na cidade, caminhadas no calçadão e atividades esportivas individuais como surf e natação. Com isso, as praias voltaram a ficar cheias nos fins de semana.

Publicidade

Outro ponto turístico que voltou a ficar cheio foi a lagoa Rodrigo de Freitas, é possível ver a aglomeração de pessoas fazendo caminhadas, lendo livros, passeando com seus pets. A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado da Polícia Militar informa que o policiamento ostensivo está atuando nas ruas, praias e outras áreas de lazer visando o distanciamento social para conter o avanço do novo coronavírus, conforme os decretos estaduais e municipais em vigo.

Publicidade
Publicidade

Aglomerações voltaram a ser flagradas neste domingo

Outra infração que a maioria da população cometeu foi não aderir a utilização das máscaras em suas atividades. O governador do estado Wilson Witzel sancionou a lei 8859/20, que obriga o uso de máscaras e prevê multas de R$ 106,65 para quem não cumprir as regras.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade