in

Prepare o seu coração porque a notícia que Bonner deu no JN é preocupante e merece atenção

Número de mortes em casa por doenças cardiovasculares cresceu 32% no período de março a maio.

Reprodução Globo
Publicidade

No Jornal Nacional desta sexta-feira (26), o jornalista William Bonner deu uma notícia que interessa a milhares de brasileiros. A informação é preocupante. De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia e a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Brasil, o número de mortes em casa por doenças cardiovasculares aumentou.

Os dados mostram que no período de março/maio deste ano para o mesmo período do ano passado, houve incremento de 32% de mortes. No ano passado, no período analisado, houve 11.990 mortes. Neste ano, o número de óbitos saltou para 15.847. O jornalista explicou a situação.

“A Sociedade Brasileira de Cardiologia afirma que muita gente se sentiu mal e ficou sem atendimento ou por medo de ir ao hospital e pegar Covid-19 ou porque as emergências de algumas cidades estavam sobrecarregadas. As recomendações do médico, preste muita atenção, é quem estiver com sintomas de infarto deve procurar imediatamente um hospital”, afirmou Bonner.

Publicidade

Os sintomas são variados. Dor aguda no peito por mais de 20 minutos e que irradia para outras partes do corpo, como costas, ombros, braço esquerdo, pescoço e até para a mandíbula merecem atenção. Aperto no peito, formigamento no braço e queimação também pode indicar problema.

Publicidade
Publicidade

Tontura, sudorese, suor frio, cansaço extremo, fraqueza, náuseas e vômito, desmaio, falta de ar (que normalmente acomete pessoas mais idosas) são sintomas que devem ser considerados também. Diversos fatores colaboram para o surgimento de doenças cardiovasculares: dieta inadequada, obesidade, diabetes, hipertensão, colesterol elevado, tabagismo, sedentarismo, idade e abuso de álcool e de outras drogas.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br