in

Repórter da CNN é assaltada ao vivo e passa apuros no ar ao ter faca apontada contra seu corpo

Repórter da CNN é assaltada no ar por homem com faca e perde dois celulares. Saiba mais.

CNN
Publicidade

Na manhã deste sábado, 27 de junho, a repórter Bruna Macedo passou por maus bocados ao vivo enquanto estava em um link para a CNN Brasil. A jornalista falava sobre a chuva que atinge São Paulo, quando um homem portando uma faca a assaltou. Parte do crime foi mostrado ao vivo e Bruna teve uma faca apontada contra seu corpo.

De acordo com informações do portal de notícias UOL, a jornalista acabou tendo dois aparelhos celulares furtados na ação do bandido. 20 minutos após o assalto ao vivo, o apresentador Rafael Colombo falou sobre o crime e disse que, inicialmente, a emissora optou por tirar a imagem do ar por não entender o que estava acontecendo. No entanto, que Bruna havia mesmo sido assaltada em tempo real.

“Tomou um susto danado, mas está bem, não sofreu nenhum tipo de ferimento. Ela vai prestar queixa na polícia e é vida que segue”, disse o apresentador ao falar sobre o assunto, informando ainda os próximos passos da repórter.

Publicidade

Veja abaixo o vídeo que mostra o momento em que a repórter é assaltada ao vivo enquanto estava em um link para a CNN Brasil.

Publicidade
Publicidade

Nas redes sociais, as imagens tiveram grande repercussão e a CNN Brasil foi criticada pela falta de segurança à profissional. “O principal erro ai. Enviar a repórter sozinha para fechar um link. O termo vídeo-repórter quer dizer que o repórter monta o link sozinho, sem apoio de ninguém. Erro. Vivemos em um país, onde tem muitos assaltos. Deveria ter ido alguém a mais para dar apoio a ela”, disse um dos internautas ao falar sobre o assunto. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.