in

‘Sobra de leitos’, a frase polêmica de Bolsonaro no dia em que Brasil passou de 55 mil mortes

Presidente é defensor da abertura do comércio e da retomada da economia em todo o país.

Flickr Alan Santos
Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a causar polêmica ao comentar sobre a pandemia causada pelo novo coronavírus. Desde o começo da pandemia, em março, o presidente tem posicionamento favorável à abertura do comércio e continuidade da atividade econômica do Brasil.

Nesta quinta-feira (25), durante live no Facebook, Bolsonaro voltou a falar sobre a reabertura do comércio em todo o país. Vale recordar que o Supremo Tribunal Federal (STF) definiu que caberia aos governadores e prefeitos seriam os responsável por essas determinações.

“O objetivo de fechar era que a pessoa contaminada fosse atendida pelos hospitais. Temos notícias de que os hospitais têm sobra de leitos”, afirmou o presidente. Bolsonaro não citou dados concretos de leitos sobrando. O presidente tem razão ao afirmar, porém, que o isolamento se dá pela capacidade dos leitos de UTI dos hospitais.

Publicidade

O isolamento social tinha ou tem como objetivo impedir que o sistema de saúde entre em colapso, com o controle da curva de contaminados pelo vírus. Há cidades com leitos de UTI para pacientes com Covid-19 vagos. Em São Paulo, os hospitais municipais, administrados pela prefeitura têm 57% de ocupação.

Publicidade

Em cidades como Curitiba, capital do Paraná, Natal, capital do Rio Grande do Norte, Imperatriz, no Maranhão, e Sorocaba, em São Paulo, a capacidade de receber pacientes chegou ao limite. Há cidades com 80% das vagas da UTI ocupadas. Isso mostra a situação varia de cidade para cidade.

Ainda na noite de quinta, o Consórcio formado por veículos de comunicação de todo o Brasil infirmou que 1.180 pessoas haviam morrido nas últimas 24 horas. O total já passou de 55 mil óbitos em todo o Brasil.

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br