in

Apresentador morre de coronavírus após ironizar a gravidade da doença: ‘Vírus maricas’

No início da pandemia, o locutor ironizou o coronavírus e afirmou que a doença era para eliminar os mais velhos.

Reprodução/Youtube
Publicidade

Após contrair o novo coronavírus, o narrador José Francisco ‘Pepe’ Ruiz morreu na última terça-feira (23), por complicações da doença. O locutor, que era uma das principais vozes do ramo esportivo em Nicarágua, tinha problemas pulmonares, de acordo com a imprensa local. A enfermidade, por causar danos respiratórios e aos pulmões, pode levar à morte.

No começo da pandemia, Ruiz gerou polêmica ao ironizar a gravidade da Covid-19, especialmente porque o vírus pode ser morto com álcool gel e água e sabão. Além disso, o jornalista insinuou que a doença estava cumprindo sua função: eliminar os mais velhos.

Esse vírus é maricas, assim como os opositores (do governo). Veja como é um maricas que se mata com espuma de sabão. Está funcionando para o que o criaram: eliminar os velhos, porque gastam muito e são muitos. A guerra foi contra os velhos, esse vírus é para os velhos“, declarou Pepe Ruiz, durante um programa de TV nicaraguense.

Publicidade

Segundo informações do UOL, José Francisco Ruiz ainda era defensor do governo de Daniel Ortega, atual presidente de Nicarágua. Considerado ditador, Ortega já foi comparado a figuras como o líder venezuelano Nicolás Maduro, por exemplo.

Publicidade
Publicidade

Narrador ainda espalhou fake news sobre o coronavírus

Além de tirar sarro do coronavírus, Ruiz chegou a espalhar fake news sobre a Covid-19, ao afirmar que um conhecido havia matado o vírus fazendo gargarejo diariamente com apenas quatro ingredientes. A declaração foi feita sem nenhum embasamento científico, o que causou ainda mais polêmica.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade