in

Vídeo de bebê sendo atirado na água em aula de natação gera revolta na web: ‘desespero só de olhar’

O vídeo de um bebê sendo atirada dentro de uma piscina durante uma aula de natação para bebês, deixou as redes sociais em choque.

Divulgação/Bebemamãe
Publicidade

Um vídeo compartilhado em uma rede social acabou deixando vários internautas revoltados. A filmagem começa com um bebê de oito meses de vida sendo jogado propositalmente na piscina pela professora de natação. Foi a mãe da criança, Krysta Meyer, de 27 anos, moradora do Colorado Springs, Estados Unidos, que fez o registro das imagens que ganharam grande repercussão.

Na filmagem, o pequeno Oliver é atirado na piscina pela mulher. As imagens deixaram a web em choque, já que o garotinho cai direto com o seu rosto na água e permanece com o rostinho dentro. Na sequência, a professora de natação pula na piscina, mas não socorre a criança. Ela fica apenas observando se o garotinho vai conseguir se virar sozinho colocando o rosto para fora da água.

Ao compartilhar o vídeo nas redes sociais, a mãe frisou a evolução do filho na natação.  “Eu não acredito que já tem dois meses que ele está na natação e ele está aprendendo tão rápido! É um peixinho”. A filmagem acabou viralizando na web e chegou a mais de 75 milhões de visualizações. Contudo, não foi a habilidade da criança que chamou a atenção dos usuários da rede, mas a forma brusca com que o bebê foi atirado dentro da piscina pela professora.

Publicidade

Muitos famosos brasileiros comentário o vídeo, entre eles Pyong Lee, que é pai do pequeno Jake. “Meu filho vai aprender a nadar comigo!”, disse o ex-BBB. Lívia Andrade também ficou assustada com as imagens. Muitos internautas se mostraram indignados com o vídeo. “Me deu muita agonia! Eu não deixaria meu filho fazer isso!”, frisou uma internauta. Já outra disse: “Meu Deus! Chega a dar uma dor no coração!”. Outra usuária da rede falou: “Me deu um desespero só de olhar!”.

Publicidade
Publicidade

Com tanta repercussão negativa, a mãe do bebê se pronunciou sobre o assunto. Krysta Meyer fez questão de defender a professora de natação e falou que chegou a recebe ameaças de morte e pessoas dizendo que ela é a pior mãe do mundo. Segundo a mãe, o objetivo é justamente a segurança da criança e evitar que ele possa se afogar.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade