in

Participante de Big Brother Portugal comete racismo contra mulheres brasileiras e sofre dura punição

Participante não quis se pronunciar sobre o ocorrido e foi detonada nas redes sociais.

Reprodução - Extra
Publicidade

O programa Big Brother Portugal protagonizou cenas lamentáveis na última quarta-feira (24). Após uma discussão com outra participante do reality, Sónia Jesus fez um comentário racista contra mulheres brasileiras e acabou sofrendo uma severa punição da direção do programa. Vale lembrar que a atração transmitida pela ‘TVi’ conta com a participação de uma brasileira, Ana Catharina, de 29 anos.

Tudo começou após o participante Daniel Monteiro receber uma mensagem de fãs brasileiros, que fixaram uma faixa em um avião para declarar torcida por ele. Depois disso, os participantes começaram a falar sobre mulheres brasileiras, foi quando Sónia fez o comentário preoconceituoso.

Publicidade

A declaração da sister gerou inúmeros protestos e revolta nas redes sociais. Diante disso, a produção do reality show puniu Sónia, que era a líder da semana, classificando seu comentário como inadequado e a tirou da liderança. Além disso, ela foi comunicada na frente de todos os outros participantes que entrou diretamente no paredão do próximo dia 5 de julho.

Publicidade
Publicidade

“Como sabem, a minha casa é onde todos cabem e todos devem ser tratados igualmente. Com esses comportamentos, me vejo obrigado a agir. Sónia, a partir desse momento, você deixa de ser líder da casa e, no domingo, estará indicada para a semana seguinte ao paredão”, disse o Big Boss.

Sem comentários

Questionada se queria falar sobre o assunto, Sónia não quis se pronunciar, e sequer pediu desculpas pelo ocorrido. Um dia antes da declaração racista, a sister já havia discutido com outra participante, e também não se desculpou. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade