in

Imagens de câmera de segurança podem complicar ainda mais a vida de Flávio Bolsonaro

Nas imagens, Queiroz, segundo Ministério Público, aparece pagando contas com dinheiro vivo.

UOL
Publicidade

Neste domingo, 21 de junho, o Ministério Público do Rio de Janeiro divulgou imagens que mostram o ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, fazendo pagamentos em dinheiro vivo dentro da Alerj, a Assembleia Legislativa do Rio. As imagens foram feitas por câmeras de segurança e foram gravadas dentro de uma agência bancária. 

Nas imagens, que foram gravadas no ano de 2018, Fabrício Queiroz paga boletos escolares das filhas do Senador, herdeiro do presidente da república. Em seguida, o ex-assessor de Flávio faz um saque no valor de R$ 5 mil. O portal de notícias UOL chegou a divulgar alguns prints que mostram como tudo aconteceu. 

Eles fazem parte de um documento de 80 páginas. O documento é o que motivou à justiça a solicitar a prisão preventiva de Fabrício Queiroz, que foi encontrado dentro do escritório do advogado de Jair Bolsonaro.

Publicidade

Flávio Bolsonaro é acusado de operar um esquema de “rachadinha” dentro do seu gabinete. Para o Ministério Público, Flávio era o chefe de uma organização criminosa. Flávio nega as acusações e disse que vai provar que é inocente. 

Publicidade
Publicidade

A prisão de Fabrício Queiroz movimentou a semana. Ela foi acompanhada por toda a mídia, que chegou até a colocar helicópteros seguindo o comboio da Polícia Federal com o ex-assessor de Flávio Bolsonaro. Tudo porque a prisão dentro do escritório do advogado de Jair Bolsonaro indiretamente acaba atingindo também o presidente, que em discurso disse que não é o filho e que se ele cometeu algum erro, e se esse for provado, que seja pago. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.