in

Lembra do Sam Alves? Vencedor do The Voice sumiu da mídia e hoje tem trabalho comum

Sam Alves foi o vencedor do The Voice Brasil, mas acabou sumindo da mídia nos últimos anos.

TV Globo/Mauricio Fidalgo
Publicidade

Em 2013 muita gente se sensibilizou com a história de vida do cearense Sam Alves, que participou do The Voice Brasil daquele ano. Meses antes, aliás, ele havia participado do The Voice USA, mas nenhum dos quatro jurados virou a cadeira para ele.

Sam ganhou o carinho do público brasileiro não só por sua voz afinada, mas também por sua história de vida. Ele foi abandonado dentro de uma caixa de sapatos com bilhete com informações sobre ele e avisando que Sam havia tomado leite na tarde em que foi abandonado. Um casal o adotou e mais tarde foram viver nos Estados Unidos.

Lá o pai era entregador de jornais e a mãe diarista. Ele foi criado junto a uma irmã e, aos 14 anos, retornou ao Brasil com a mãe em uma missão missionária. Quatro anos mais tarde, voltaram para os Estados Unidos. Meses depois seus pais se divorciaram.

Publicidade

Publicidade
Publicidade

A família passou por momentos difíceis, pois sua mãe precisou trabalhar em dois empregos para não perder a casa em que viviam. Sam ajudava nas despesas, sem abrir mão de conseguir estudar medicina.

A música para Sam era apenas um hobby, que ele exercia nas horas vagas na igreja em que frequentava com a família. Começou a participar do coral da universidade e foi lá que a paixão pela ideia de se tornar cantor começou a ganhar força, e o caminho da medicina passou a ficar em segundo plano.

No The Voice, ganhou elogios de todos os jurados e sagrou-se o grande campeão da segunda temporada do reality. Além do prêmio de meio milhão de reais, Sam ganhou um contrato com a gravadora Universal Music, uma das principais do país.

Seu álbum de estreia surgiu meses após a vitória, ficando entre os mais vendidos pelo Itunes. O single Be With Me foi tão bem aceito pelo público que atravessou fronteiras e ficou entre as canções mais tocadas do Canadá.

O segundo álbum veio em 2015, lançado direto no iTunes. Fez bastante sucesso, mas com a dinâmica do mercado musical na atualidade, a presença do cantor na mídia já não era mais frequente.

Em 2017 ele voltou a ser notícia, mas não pelo seu trabalho, e sim por assumir publicamente que é homossexual. No começo de 2019 surgiu a notícia de que Sam havia abandonado a carreira de cantor para se tornar motorista de aplicativo nos Estados Unidos.

Meses após essa notícia correr pelo mundo dos famosos, Sam decidiu falar sobre o assunto. Ele declarou que não há nada de errado em ser motorista de aplicativo e que nos Estados Unidos até advogados prestam serviço desse tipo para pagar a gasolina. Ele também salientou que não achava correto afirmarem que ele abandonou a carreira só porque estava trabalhando como motorista, como se isso fosse algo inferior.

O cantor declarou que voltou a morar nos Estados Unidos, pois o custo de vida lá era bem menor do que no Brasil. Ele continua com seus projetos musicais, mas também é motorista. Não se sabe se paralelo a isso Sam teria voltado aos Estados Unidos para prosseguir com seus estudos na medicina.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Guti M

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades