in

OMS faz apelo à população e expõe grave alerta sobre coronavírus: ‘nova fase perigosa’

O diretor-geral da OMS pediu às pessoas e aos países para que continuem vigilantes, pois a situação ainda preocupa.

AFP/F. Coffrini
Publicidade

A pandemia do novo coronavírus tem sido a grande preocupação do mundo atualmente. A doença que se espalhou por todos os cantos do planeta já fez milhares de vítimas fatais. No Brasil, o número de mortes está caminhando para a marca de 50 mil e a quantidade de pessoas infectadas bateu a marca de um milhão.

Tedros Adhanom, o diretor-geral da OMS – Organização Mundial de Saúde, fez um grave alerta nesta última sexta-feira, 19 de junho. Ele falou sobre a questão da pandemia e disse que está acelerando e que nesse momento o mundo está entrando ‘numa fase muito perigosa’. O diretor falou numa coletiva de imprensa que foi realizada online a partir da sede da organização, em Genebra.

Segundo o responsável, só na quinta-feira foram comunicados à Organização Mundial de Saúde mais de 150 mil novos casos de pessoas que contraíram Covid-19. Esse foi o número mais elevado até o momento. Do total de novos infectados, praticamente dois terço tem origem no continente americano, com casos oriundos do Sul da Ásia e no Oriente Médio.

Publicidade

O mundo está em uma nova e perigosa fase. Muita gente está cansada de ficar em casa. Os países estão ansiosos para abrir suas sociedades e suas economias. Mas o vírus continua a se disseminar rapidamente, ainda é mortal e a maior parte das pessoas ainda é vulnerável”, alertou o diretor-geral da OMS, que está muito preocupado com a situação.

Publicidade
Publicidade

Ele aproveitou a oportunidade para fazer um pedido à população. O diretor pediu que as pessoas e os países têm que continuar vigilantes. Por isso, ressaltou a importância de manter os hábitos de higiene e o distanciamento físico das pessoas. Também é importante ficar em casa no caso de suspeita da doença. O diretor da OMS frisou ainda a importância dos países centrarem as medidas básicas, encontrar, isolar, testar e tratar os casos.

A pandemia do novo coronavírus já causou a morte de mais de 454 mil pessoas ao redor do mundo e infectou mais de oito milhões de pessoas no planeta, conforme um balanço realizado pela agencia da França AFP.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade