in

O último segredo do caso Isabella, 12 anos após o crime

Percival de Souza falou sobre os detalhes do crime que abalou o Brasil e trouxe novidades.

R7
Publicidade

O caso Isabella Nardoni chocou o Brasil no ano de 2008. Nessa semana, o colunista Percival de Souza trouxe um artigo em que diz que sabia “o último segredo” do caso. De acordo com Percival, a menininha, que tinha apenas cinco anos de idade, acabou sendo muito agredida. Ele contou que o espancamento da menor teria ocorrido a caminho do edifício London, já dentro do carro. 

O espancamento à Isabella Nardoni teria prosseguido no elevador e dentro do apartamento. A menina teria sangrado muito e morrido antes mesmo de ser jogada pelo prédio. Ou seja, o motivo da morte da menina não teria sido a queda em si.

Segundo Percival, Alexandre Nardoni teria cortado a tela de proteção da janela do apartamento. O corpo dela ficou suspenso e, em seguida, foi jogado pelo próprio pai do local. O colunista político de programas como o Cidade Alerta lembra que Nardoni não teria pena da filha, mesmo ela sendo sangue do seu sangue. 

Publicidade

Percival chegou no local pouco depois da queda da menina. O corpo de Isabella Nardoni estaria em um gramado, próximo ao prédio. Naquele momento, uma chuva pequena caía e ia molhando, aos poucos, a menina. O jornalista conta que Alexandre e a madrasta da criança, Anna Carolina Jabotá,  ainda no apartamento, teriam acertado o que diriam à polícia. 

Publicidade
Publicidade

Até hoje, ambos permanecem na cadeia. Mesmo condenados, Alexandre Nardoni e Ana Carolina Jatobá continuam a dizer que não seriam responsáveis pela morte da criança. O caso acabou tendo grande repercussão na época e agora, após as revelações do jornalista, a discussão em torno do tema voltou. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.