in

‘Todos meus planos, todos meus sonhos morreram junto com ele’: o desabafo da mãe de Miguel

Mirtes Renata Souza afirma que espera sentir alívio após o desfecho do caso Miguel.

G1 / Montagem
Publicidade

Nesta segunda-feira, 15 de junho, a mãe do menino Miguel deu uma entrevista ao portal de notícias G1. Mirtes disse que os dias sem o filho, que morreu no dia 2 desse mês estão sendo muito difíceis e que ela, até o momento, não conseguiu viver o luto pela morte da criança. O menino Miguel morreu após cair do nono andar de um prédio de luxo na cidade de Recife, no estado de Pernambuco.

Miguel caiu de uma altura de 35 metros e ainda foi levado com vida a um hospital da região, mas minutos depois foi confirmada sua morte. A criança morreu enquanto estava sob os cuidados de Sarí Corte Real, primeira-dama da cidade de Tamandaré, que fica na grande Recife. Ela estava olhando o menino devido ao período da quarentena. 

Mirtes, empregada doméstica de Sarí, estava passeando com os cachorros, quando tudo aconteceu. Para a mãe de Miguel, o período da noite é o mais difícil sem o filho. Isso porque ela não pode estar ao lado do seu herdeiro. 

Publicidade

“Não sei como é que vai ser minha vida sem meu ‘neguinho’. Todos os meus planos, todos os meus sonhos morreram junto com ele. Quando Miguel morreu, a minha vida acabou ali, foi destruída. Não só a do meu filho, mas a minha e a da minha mãe também”, disse a emprega doméstica, que está sem trabalho desde o acontecido. 

Publicidade
Publicidade

O caso segue sob investigação policial. Sarí está sendo indiciada por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar. A primeira-dama de Tamandaré deve nessa semana falar novamente com a polícia. Sarí chegou a escrever uma carta enviada à imprensa pedindo perdão à empregada. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.