in

Paciente internado há quase dois meses com Covid-19 é levado para rever o mar

Profissionais da unidade resolveram fazer uma surpresinha ao paciente internado há tanto tempo.

Divulgação/Vix
Publicidade

A pandemia provocada pelo novo coronavírus mudou complemente a vida da sociedade mundial. A doença surgiu no final do ano passado na China. Desde então, o vírus se alastrou por todos os continentes provocando um grande caos na vida de todos os habitantes do planeta.  

Infelizmente, a doença já fez milhares de vítimas fatais e infectou milhões de pessoas ao redor do planeta. Em alguns países, a situação se tornou caótica e fez com que o sistema de saúde de muitos lugares entrasse em colapso devido ao grande número de pacientes graves em virtude da covid-19. No Brasil, a situação é bem preocupante e de acordo com alguns especialistas, o pico da doença ainda não foi atingido.

Apesar de tantas mortes provocadas pelo vírus, notícias de pessoas que conseguiram vencer a doença são um alento em meio a tantas tragédias. Esse é o caso do paciente espanhol, Isidre Correa, de 61 anos. Considerado grupo de risco para a enfermidade, ele contraiu a Covid-19 e precisou ficar internado na UTI – Unidade de Terapia Intensiva. Desde o dia 14 de abril, o espanhol lutou bravamente pela vida.

Publicidade

A batalha foi árdua, mas o idoso conseguiu superar e quase dois meses depois da internação, funcionários do hospital resolveram fazer uma surpresa e levaram Isidre para poder ver o mar. O espanhol deu entrada no hospital no dia 09 de abril, já com um quadro de infecção respiratória provocada pela Covid. Com a piora no estado, ele foi levado para receber tratamento na UTI.

Publicidade
Publicidade

Apesar de ainda estar na cama e tendo que usar equipamentos de proteção, o idoso foi levado por alguns profissionais da unidade para o lado de fora do hospital, onde teve a chance de contemplar a beleza da vista para o mar. Isidre não foi o único paciente que teve a honra de receber esse presentinho. Os funcionários do hospital da Espanha também tem feito a mesma coisa com outras pessoas internadas.

Contudo, o presente recebido pelos pacientes não é algo aleatório, mas tem um objetivo que é fazer do processo de recuperação da doença algo mais humanizado.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Shyrlene Souza

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.