in

Lembra deles? Com saída e morte de integrantes, Fat Familly se reduziu a 4 pessoas

O Fat Familly era formado por oito integrantes, mas hoje só resta quatro deles.

EMI Music
Publicidade

Nos anos 90, o Brasil conheceu um grupo que deu o que falar. Sete irmãos com vozes poderosas ganharam as rádios e programas de TV com a música Jeito Sexy, que imortalizou uma coreografia com o pescoço. O carisma e talento dos irmãos Cipriano logo garantiram disco de platina na estreia do grupo.

O Fat Family era formado por Celinho, Sidney, Suzete, Simone, Deise, Kátia e Celinha. A partir do segundo álbum, Suely, também irmã e que anteriormente trabalhava como enfermeira, passou a fazer parte do grupo, agora com oito integrantes.

O grupo fez bastante sucesso e gravou três álbuns bem-sucedidos entre os anos de 1996 e 2001. Em 2003, por intermédio de Deise, a mais nova do Fat Family, toda a família se converteu ao cristianismo protestante. A partir daí, gravaram um quarto álbum, mas bem diferente do que os fãs estavam acostumados. As potentes vozes eram as mesmas, mas o estilo havia mudado, possuindo canções gospel e de MPB no repertório.

Publicidade

Três anos mais tarde, em 2006, Sidney decidiu deixar o grupo para seguir carreira solo, pegando os irmãos de surpresa. Embora tenham estranhado no começo, acabaram aceitando a decisão do irmão, pois isso era o que lhe faria feliz naquele momento. Sidney passou a usar o nome artístico de Sidney Sinay e gravou um álbum de músicas gospel.

Publicidade
Publicidade

Celinha seguiu o irmão e posteriormente decidiu sair do grupo, gravando três álbuns gospel entre os anos de 2011 e 2015. Suely também decidiu sair do grupo, mas não seguiu carreira solo, sobrando cinco integrantes no Fat Family. Em 2011, Sidney sofreu um AVC e foi internado em um hospital de Sorocaba, cidade natal da família. Após quase um mês, ele veio a óbito.

Em 2016, o grupo voltou a gravar após alguns anos e participou de vários programas de TV, bem como da Virada Cultural, fim de semana de eventos gratuitos realizados em São Paulo.

Em 2018, o grupo apareceu nas notícias, mas infelizmente não foi por conta de um novo single ou algo do tipo. Deise, a integrante caçula do grupo havia sido diagnosticada com câncer. Em fevereiro de 2019 ela veio a óbito pela doença.

No mesmo ano, Rodrigo Faro promoveu um reencontro entre os irmãos, que cantaram no palco de seu programa dominical. Na ocasião, entrevistou as integrantes do grupo, que falaram do corte nos custos que precisaram fazer quando o número de shows diminuiu e não era mais possível levar o mesmo padrão de vida do auge do sucesso.

Trabalhadores, eles não abaixaram a cabeça diante das diversidades, pois tiveram origens difíceis financeiramente, então conseguiram se adequar à nova vida. O grupo continuou fazendo shows para se sustentar, mas dessa vez, em shows corporativos e eventos menores em que são contratados.

Atualmente o grupo Fat Family é formado pelos irmãos Suzete, Celinho, Simone e Kátia. Através de um perfil no Instagram, eles compartilham momentos em família, e claro, muita música. Recentemente fizeram um live na quarentena do coronavírus.

Embora estejam bem diferentes da época do início da carreira, inclusive muito mais magros, o tempo parece não ter passado para os membros da família Cipriano, que continuam com uma ótima aparência.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Guti M

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades