in

Com apenas um mês, recém-nascido perde a vida após decisão comovente dos pais

Os pais do recém-nascido optaram por não levarem ele ao hospital por motivo chocante.

Reprodução/ Clínica Mon Petit
Publicidade

A morte de um recém-nascido que aconteceu em Cuiabá tem partido o coração de muitas pessoas que tomaram ciência do ocorrido. Com apenas um mês de vida, o bebê teria começado a sentir dores fortes no intestino e não defecava há mais de dois dias. Demonstrando sinais de saúde preocupantes, levando em conta sua idade, um hospital não foi procurado e o motivo surpreendeu e chocou muita gente.

Segundo informações do portal O Livre, a decisão de não levar o recém-nascido ao hospital teria sido uma decisão dos pais, que ficaram com medo de ir no recinto médico procurar por ajuda e acabar sendo infectados pela Covid-19, vírus altamente contagioso que vem fazendo altas vítimas no Brasil e no mundo.

Publicidade

Publicidade
Publicidade

O bebê não resistiu e perdeu a vida na última terça-feira (02). Foi encontrada pelo pai no berço onde dormia, com sangue na boca e no nariz. Após isso, a família tentou buscar ajudar rapidamente e foram até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas a notícia foi de que o recém-nascido já estava sem vida há cerca de uma hora, e nada poderia ser feito.

A Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), responsável pela investigação do ocorrido, se dirigiu até o local para que fosse liberado o corpo. A causa mortis foi registrada como “a esclarecer” e, a princípio, não foi admitido sinais de crime culposo, quando não se tem a intenção de praticar um ato delituoso.

A matéria foi abordada pelo portal Pais & Filhos do UOL, e a identidade dos pais, assim como a do bebê, não foi informado.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Rafael

Escrito por Rafael

Rafael Ferreira é um escritor apaixonado por jornalismo. Gosta de redigir notícias, levando entretenimento e cultura para seus leitores. Sinta-se à vontade para entrar em contato: rafael_ferreira_@live.com