in

Repórter da Globo é algemado durante abordagem policial: ‘Muito medo’

O repórter Manoel Soares falou sobre racismo em participação no Encontro com Fátima Bernardes.

TV Globo
Publicidade

Durante uma entrevista por videochamada no Encontro com Fátima Bernardes nesta quarta-feira(4), o repórter dos programas de entretenimento da Rede Globo, Manoel Soares falou sobre o medo que sentiu quando foi abordado pela polícia ainda essa semana. Ele declarou ainda que foi algemado e disse que já ensinou para os seus filhos como devem agir durante uma abordagem policial.

A titular do Encontro promoveu um debate sobre o racismo no país. Outros famosos negros também foram convidados para contar as suas experiências de situações em que foram vítimas do preconceito racial.

Manoel relatou que foi parado pela polícia essa semana. Segundo ele, quando saiu do carro, o policial viu que ele era ‘grande’ e teve uma postura considerada agressiva. E ainda, recebeu incentivo dos colegas de trabalho a algemarem ele pelo fato de ser muito ‘grande’.

Publicidade

Manoel seguiu dizendo que ele e o filho de 18 anos dirigem o carro, e questionou se fosse o filho dele que estivesse naquela situação. A titular questionou aos convidados como é criar os herdeiros negros diante de uma sociedade que ainda é tão machista.

Publicidade
Publicidade

O repórter do É de Casa narrou dizendo que a primeira coisa que ele teve que fazer foi ensinar o filho a ‘tomar uma geral” da polícia, e que é horrível ter que ensinar isso para uma criança de apenas nove anos de idade, dizendo que foi necessário fazer isso com os seus filhos e sobrinhos por saber o que isso representa. Quando mais escura for a cor da pele, mais é necessário ensinar como deve se comportar diante de uma abordagem policial.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade