in

Mitos e verdades dos recém-nascidos: os bebês nascem sabendo nadar?

É comum que vídeos de bebês nadando se tornem virais. Mas será que eles já nascem sabendo como agir dentro da água?

Divulgação / AlagoasWeb
Publicidade

A água é um ambiente natural ara os bebês, já que são gerados, dentro da barriga da mãe, em uma bolsa d’água. Em função disso, muitas mamães querem dar à luz dentro de uma piscina ou banheira, pois acreditam (e estudos apontam que é verdade) que o filho tem menor impacto quando chegam ao mundo dentro da água.

Então, muita gente se pergunta: os bebês já nascem sabendo nadar? Pois a resposta é bem simples: não. Existe a familiaridade com a água, já que os pequenos tiveram seus primeiros momentos de existência dentro de uma ‘bolsa d’água’ – aquela que estoura quando a gestante entra em trabalho de parto. Contudo, os recém-nascidos não conseguem se virar dentro de uma piscina a ponto de nadar.

O que justifica os diversos vídeos em que bebês parecem estar nadando, como se soubessem mesmo o que estão fazendo, é que toda essa desenvoltura é apenas aparente. Os especialistas apontam que o tempo passado no útero, que tem água, pode influenciar a tendência dos bebês em nadar; mas, definitivamente, não os ensina a nadar. Os movimentos do bebê dentro da água são fruto de reflexos.

Publicidade

Um bebê não tem coordenação motora e força muscular suficientes para se manter e se movimentar sozinho no meio aquático. Mas a familiaridade ao ambiente garante o sorriso, que tanto atrai internautas para os vídeos sobre esses momentos.

Publicidade

Diante do exposto, fica o alerta: um bebê deixado muito tempo dentro da água pode se afogar. Principalmente porque os pequenos não têm força suficiente para erguer a cabeça para fora da água e buscar o ar, quando necessário. E tampouco conseguem se mover dentro da água com alguma eficiência.

Outro ponto que vale a pena ressaltar é que os bebês não têm a capacidade para controlar a respiração de forma consciente. Eles respiram, automaticamente, assim que nascem; e não conscientemente.

Publicidade
Mayra Michel

Escrito por Mayra Michel

Jornalista por formação e vocação. Apaixonada pelos desafios da escrita e pelo aprendizado diário do Português. Na caminhada da Comunicação desde 2004, ainda tem muito o que viver nessa profissão que "quem conhece, não esquece jamais" (sim, sou mineira!). Fique à vontade para falar comigo: mayramichel@gmail.com