in

Bolsonaro é acusado de ser associado ao tráfico de crianças pelo grupo Anonymous

O presidente brasileiro esteve envolvido em meio as postagens do grupo de hackers no perfil oficial do Twitter dos mesmos.

Reprodução:Twitter/Catraca Livre
Publicidade

O grupo de hackers Anonymous voltou a fazer acusações contra grandes instituições após o assassinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin. Após diversos protestos no Estados Unidos da América, o grupo Anonymous decidiu voltar a ativa.

Os Anonymous publicaram um vídeo que rodou todas as redes sociais, em que os mesmo sugerem fazer Justiça com as próprias mãos. O grupo de hackers iniciou seus ataques divulgando informações que sugeriram que o presidente do Estados Unidos da América, Donald Trump, supostamente estaria envolvido com tráfico de crianças.

Acusação antiga contra Trump vem de modelo

A modelo Shawna Lee contou aos autores do livro Todas as Mulheres do Presidente: Donald Trump e a Gênese de um Predador, que teria sido obrigada a dançar sensualmente para Donald Trump e seu amigo John Casablancas. O ato teria acontecido em um iate.

Publicidade

John Casablancas morreu aos 70 anos, em 2013, vítima de um câncer. O empresário impulsionou carreiras de diversas modelos ao redor do mundo, incluindo a brasileira Gisele Bündchen. O grupo Anonymuos acusa Casablancas, que foi amigo próximo de Donald Trump, de traficar e abusar de crianças durante sua vida.

Publicidade
Publicidade

Anonymous relacionou Bolsonaro ao tráfico

O grupo de hackers publicou que os brasileiros deveriam investigar uma suposta relação do presidente Bolsonaro com John Casablancas.

O presidente brasileiro, no entanto, ainda não se pronunciou sobre as graves acusações feitas pelo grupo Anonymous. Os mesmos prometeram expor muito mais informações sobre supostos crimes que a polícia norte-americana teria cometido.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com