in

Primeiro medicamento eficaz contra Covid-19 é produzido e estará disponível em breve para hospitais

O antiviral foi produzido na Rússia e há uma única contra-indicação categórica, até o momento.

Freepik
Publicidade

A pandemia mundial causada pelo novo coronavírus está provocando mortes por todo o planeta. Nesse nomento, países como Brasil e os Estados Unidos da América estão anunciando números de casos que aumentam a cada dia. Dessa forma, vários países estão trabalhando na descoberta de um medicamento eficaz ou uma vacina capaz de conter o novo vírus.

E tudo indica que, na Rússia, uma grande esperança teria surgido para a humanidade. O Ministério da Saúde da Rússia anunciou a produção do primeiro medicamento eficaz contra a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Trata-se do afivavir, que apresentou grande eficácia em ensaios clínicos, conforme revelou o diretor-geral do Fundo de Investimento Direto da Rússia (FRID), Kiril Dmítriev.

Publicidade

O diretor afirmou que não se trataria apenas de um antiviral para tratar o novo coronavírus, mas, sim, “medicamento mais promissor para curar a Covid-19 em todo o mundo“. O afivavir demonstrou eficácia ao combater os principais mecanismos de reprodução do novo coronavírus.

Publicidade

Entretanto, por mais que seja altamente eficaz, segundo estudos russos, o medicamento seria contra-indicado, de forma categórica, para mulheres grávidas ou pessoas que estariam em processo de planejamento para construírem uma família.

O medicamento anti-viral ainda não está disponível para venda em farmácias. A indicação, no momento, é que o medicamento esteja apenas em hospitais e seja utilizado exclusivamente sob observação médica, para estudo e possível comprovação de sua eficácia contra a Covid-19.

Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com