in

Jornal Nacional é acusado de fraude, e Bonner pede perdão ao Brasil: ‘Cometemos um erro’

Apresentador pediu desculpas por erro ao telespectadores, após sofrer acusações de hospital e médica.

Globo / Montagem
Publicidade

O Jornal Nacional tem feito uma ampla cobertura sobre o combate ao coronavírus. No entanto, o telejornal foi acusado de fraude recentemente em uma série de reportagens, como mostra uma matéria da colunista Keila Jimenez, do portal de notícias R7. O telejornal mostrou a médica Laíze, de Paraíba do Sul. A reportagem mostrava a médica falando sobre as dificuldades em trabalhar diante do vírus.

No vídeo exibido pelo jornal, ela reclama da falta de equipamentos de proteção e etc. A médica aparece falando de dentro de um hospital, mas de forma genérica ao problema. No entanto, o telejornal foi acusado de fraude, já que associou a fala da médica ao hospital onde ela estava. No entanto, a médica é emergencista e trabalha em vários hospitais. 

Por acaso, o hospital onde a médica estava não tinha esse tipo de problema. Por isso, a médica teve problemas. Como mostra a matéria de Keila Jimenez, os administradores e a própria médica criticaram o jornal. Laíze, inclusive, gravou um vídeo e o divulgou nas redes sociais contando como tudo teria ocorrido.

Publicidade

Ela revelou que a produção do telejornal pediu à ela para gravar um depoimento, mas que em nenhum momento ela disse que o problema era registrado onde estava. No Jornal Nacional desta segunda-feira, 25 de maio, o apresentador William Bonner dedicou 1 minuto e meio para falar da situação. 

Publicidade
Publicidade

“Cometemos um erro”, disse o apresentador, que pediu desculpas para a médica, para o hospital e também para todos os telespectadores, que, de fato,  acabaram sendo enganados.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.