Guarda compartilhada na pandemia: tire todas as suas dúvidas sobre o assunto

Leia também

Guarda compartilhada na pandemia: tire todas as suas dúvidas sobre o assunto

A guarda compartilhada durante a pandemia é uma grande dúvida entre ex-casais.

Ao vivo, cantora Ludmilla lamenta morte e comove com desabafo: ‘descanse em paz’

A funkeira aproveitou sua apresentação para falar a respeito do triste episódio.

Após chilique ao vivo, Datena recua: ‘O Bolsonaro não tem a ver com isso’

O apresentador do Brasil Urgente se irritou ao colocarem a imagem de Jair Bolsonaro no telão do policialesco.

Flamengo e um craque de saída para o futebol europeu 

Time carioca já retomou os treinamentos, uma situação que está causando alguma controvérsia.
Nado News
Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 8 anos, trabalho também como redator há cerca de 3 anos, o que fez despertar uma nova paixão. Tanto que, atualmente, sou graduando em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .
Publicidade

As medidas de distanciamento e isolamento social continuam válidas em todo o Brasil por conta da pandemia mundial do novo coronavírus. Essas ações devem ser levadas ainda mais a risca, quando o país figura como o segundo colocado dentre os países com maior número de casos confirmados da doença.

Se essas medidas já não são tão fáceis assim entre pais que estão casados, elas ficam ainda mais difíceis para pais separados ou divorciados, que mantêm a guarda compartilhada de seus filhos.

Publicidade
Publicidade

Eles precisam pensam em alternativas para continuar vendo as crianças, ainda mais considerando que elas podem não entender o que está acontecendo. Porém, essas estratégias devem ser tomadas expondo-se o menos possível.

Publicidade

Nesta ida e vinda da criança de uma casa para outra, alguns cuidados devem ser tomados para protegê-la da contaminação. “É recomendado fazer o uso da máscara de pano ou de algodão, e lavá-la diariamente”, aponta a Dra. Loretta Campos, pediatra da Sociedade Brasileira de Pediatria.

Publicidade

A médica frisa o fato de que é expressamente recomendado tirar os sapatos assim que chegar da rua, bem como colocar itens que não serão usados dentro de casa, em uma caixa própria que fica próxima à saída da residência. Todos os objetos que forem permanecer dentro do imóvel, devem ser higienizados, dando preferência ao álcool de 70%. Essa é uma das medidas essenciais para evitar a propagação da doença dentro de casa.

Agora, de acordo com o professor Rodrigo Montoro, a lei em vigência não determina como as partes devem fazer durante a pandemia da doença, porém é dita que havendo qualquer alteração, o acordo pode e deve ser revisto o quanto antes. Ele ressalta que o bom senso deve prevalecer, assim como o bem-estar da criança ou adolescente.