in

Após chilique ao vivo, Datena recua: ‘O Bolsonaro não tem a ver com isso’

O apresentador do Brasil Urgente se irritou ao colocarem a imagem de Jair Bolsonaro no telão do policialesco.

Band / Montagem
Publicidade

O apresentador José Luiz Datena surpreendeu a todos ao voltar a falar sobre as acusações envolvendo a própria Bandeirantes. O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães – durante o polêmico vídeo com Bolsonaro e seus ministros de abril, que segundo Sérgio Moro, seria uma prova de que o presidente do Brasil queria interferir politicamente na Polícia Federal – faz acusações contra a TV Bandeirantes. 

De acordo com o presidente da Caixa, a Band teria pedido dinheiro para Caixa. José Luiz Datena estava ao vivo na sexta-feira, 22 de maio, quando o vídeo foi mostrado pela primeira vez. Ele ficou revoltado com as acusações e, além de criticar o próprio Pedro Guimarães, disse que nunca mais iria entrevistar o presidente Bolsonaro. 

Publicidade

José Luiz Datena neste sábado, 23 de maio, recuou, como mostra uma matéria do site Notícias da TV. Datena, inclusive, chegou a ficar irritado quando a produção do Brasil Urgente, da Bandeirantes, mostrou o rosto do presidente, quando ele voltava a criticar a situação. Dessa vez, ele disse que Bolsonaro era inocente. 

Publicidade

“O Bolsonaro não tem nada a ver com isso, não tô falando dele. Por que colocaram aqui [no telão]? Foi o cara da Caixa”, esbravejou o comunicador que um dia antes disse que nunca mais entrevistaria o presidente da república. 

Publicidade

“Eu achei a fala do presidente muito pesada e achei que as desculpas não foram comparadas com a colocação que ele fez. Quando tiverem desculpas necessárias de acordo com a colocação que ele fez, aí nós podemos até repensar”, disse o apresentador sobre a Caixa. 

Publicidade
Fernando B

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.