Napoli faz proposta de mais de R$ 100 milhões por Cebolinha, e Grêmio bate o martelo

Leia também

Napoli faz proposta de mais de R$ 100 milhões por Cebolinha, e Grêmio bate o martelo

Jornal italiano informou que Napoli apresentou proposta de R$ 102 milhões para contratar Cebolinha.

Datena faz barraco ao vivo após presidente da Caixa dizer que Band ‘queria dinheiro’

O apresentador ficou indignado com a maneira pela qual o nome da emissora paulista foi citada por Pedro Guimarães.

Joice expõe segredo de Bolsonaro e joga no ventilador suposto passado de ‘Carluxo’, o filho número 2

Ex-aliada do presidente da República, fez revelações no seu Twitter nesta sexta-feira (22)

Diretoria do São Paulo pode vender dois titulares de Fernando Diniz

Treinador do Tricolor pode perder peças importantes do elenco ainda nesta temporada.
Diogo Marcondes
Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.
Publicidade

O atacante Everton Cebolinha é alvo de sondagens da Europa desde o ano passado. Depois de brilhar na conquista da Copa América, disputada no Brasil, muita gente dava a venda do jogador para o exterior como certa. Cebolinha foi destaque da conquista da seleção brasileira e substituiu Neymar à altura.

O craque do PSG não disputou a competição porque se machucou em amistoso pouco antes do torneio. Everton Cebolinha se destacou quando entrou e animou Tite. Após o título, Daniel Alves disse em entrevista que foi campeão da Copa América graças ao jogador.

Publicidade
Publicidade

Em meio a pandemia causada pelo novo coronavírus, o Napoli, da Itália, se interessou por Everton e teria feito até proposta oficial. De acordo com o jornal italiano Il Mattino, a proposta feita equipe italiana foi de 17 milhões de euros (R$ 102 milhões na cotação atual).

Publicidade

Diante da proposta, a diretoria do Grêmio teria batido o martelo e recusado a oferta. O valor até seria bem-vindo para o Grêmio. Em meio a pandemia, a diretoria do Imortal calcula prejuízos, assim como a maioria dos clubes do mundo, e todo dinheiro que entrar em caixa vai ajudar muito.

Publicidade

O problema é que a proposta foi considerada baixa. O presidente do Tricolor, Romildo Bolzan Jr., já havia deixado claro que recusaria até mesmo proposta de 20 milhões de euros. O dirigente do clube não informou qual o valor aceitável para o Grêmio negociar sua principal estrela. 

O problema é que Everton Cebolinha já tem 24 anos e a cada ano que passa as chances de um grande negócio diminuem. Muitos clubes europeus têm preferido a contratação de jogadores mais jovens, na casa dos 18 aos 21 anos.