in

Apresentador da CNN faz chacota de Bolsonaro ao vivo e até come pipoca à espera de sua ‘desgraça’

Comentarista da CNN come pipoca no ar à espera de vídeo de reunião, que mídia acredita ser prejudicial a Bolsonaro.

CNN / Veja
Publicidade

Apresentador da CNN, Leandro Narloch, acabou chocando muita gente durante a transmissão ao vivo de um dos programas do canal a cabo de notícias. Leandro Narloch decidiu comer pipoca, enquanto esperava a possível desgraça do presidente Bolsonaro. Acredita-se que, caso o Supremo Tribunal Federal (STF), libere o polêmico vídeo com o presidente em uma reunião, ele sofreria bastante. A decisão deve ser dada ainda hoje.

Na tal reunião, estavam Bolsonaro, Sérgio Moro e outros ministros. Moro acusa o presidente de tê-lo persuadido a fazer mudanças na Polícia Federal. A suspeita é que o presidente do Brasil estivesse tentando impedir que os filhos pudessem ser investigados. O Senador Flávio Bolsonaro, por exemplo, tem sido acusado de ter feito “rachadinhas”. 

Publicidade

O apresentador e comentarista da CNN Brasil, no entanto, não fez questão de esconder sua chacota em torno desse momento. “Todo mundo quer assistir o vídeo, quanto mais o presidente fala que é melhor não divulgar, mais as pessoas querem assistir”, começou ele a falar sobre o assunto.

Publicidade

Leandro continuou, enquanto segurava em suas mãos um balde de pipoca. “Todo mundo quer passar o fim de semana assistindo este misterioso vídeo. Eu mesmo já estou com a minha pipoca aqui esperando para assistir este vídeo. Todos os brasileiros querem e quanto mais transparência neste caso, melhor”, disse ele ao falar sobre o tema. 

Publicidade

O ministro Celso de Mello disse que até às 17h, no horário de Brasília, desta sexta, decidirá se libera ou não o polêmico vídeo do presidente Bolsonaro à imprensa. 

Publicidade
Fernando B

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.