in

Cinegrafista da Globo tenta filmar área militar, mas leva surra e vídeo mostra tudo

Repórter de afiliada da TV Globo foi atacado por homem que tentava impedir que ele filmasse uma escola de cadetes.

Portal do Holanda
Publicidade

Nesta quarta-feira, 20 de maio, o repórter cinematográfico Robson Panzera, da equipe da TV Integração, acabou sendo vítima de fortes agressões de um homem. Robson trabalha para a afiliada da Rede Globo de Televisão em Minas Gerais. O jornalista gravava imagens de uma academia militar da região, quando foi agredido por um homem que passava na região. 

O homem foi identificado como Leonardo Rivelli e acabou sendo preso. Já o repórter cinematográfico, que apenas tenta defender o seu equipamento durante o ataque, teve um dos dedos quebrados. Ele também teve o seu tripé de trabalho quebrado. A repórter Thais Fulin, que estava com o cinegrafista no momento do acontecimento, filmou as agressões contra ele e divulgou o material na web. 

Veja abaixo o vídeo que mostra as agressões contra o repórter cinematográfico da TV Globo; as imagens da TV Globo acabaram repercutindo imediatamente na web. 

Publicidade

Publicidade
Publicidade

Nas redes sociais, muita gente falou sobre o assunto. “Alguma coisa tem que ser feita pois isso já está se tornando algo intolerável. Tolerar isso não faz parte da democracia”, disse um dos internautas ao falar sobre o tema. 

“Será que era isso realmente que ele estava fazendo ou era alguma notícia fora do contrato? O Sr estava enfurecido”, disse outro internauta questionando o que teria ocorrido para o assunto ter levado tanta raiva ao homem das imagens. “E assim vamos assistindo repetidas cenas de agressões a nossos colegas de profissão. Lamentável”, contou mais um internauta sobre o tema. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.