in

Antes de perdoar uma traição se faça essas 5 perguntas

Confira cinco perguntas que deve fazer a si mesma antes de perdoar a traição do seu companheiro.

Foto: Getty Images
Publicidade

Para esquecer o erro do parceiro e perdoar uma traição é necessário tempo para pensar. Perdoar uma pessoa, principalmente quando ocorre uma traição, é um ato de superação que nem sempre será algo fácil para colocar em ação.

Cada casal age de forma diferente e, às vezes, o perdão é imediato, e em outras ocasiões, o rancor fica guardado por um longo período de tempo. Responda essas 5 perguntas antes de tomar uma decisão.

As 5 perguntas que serão mostradas aqui são fundamentais para uma tomada de decisão. Perdoar ou não perdoar?

Publicidade

É uma atitude recorrente?

Muitas pessoas aprendem com os próprios erros, porém, o fato de um homem ter uma traição em seu histórico, mostra que ele já foi capaz de tomar essa atitude.
Caso seja recorrente, isso pode ser um sinal que ele acha normal trair em determinados momentos, principalmente quando o relacionamento não está em uma fase boa. 

Publicidade

Qual o motivo da atitude?

Antes de mais nada, nenhuma mulher tem culpa de ser traída. Posto isto, para se perdoar uma traição, é importante entender o motivo.
Um caso de traição isolado, por exemplo, é muito mais simples de ser perdoado. No entanto, em casos onde existe envolvimento emocional, o ato do perdão se torna muito mais complexo e doloroso. 

Como estava o relacionamento?

O relacionamento estava em uma fase ruim? Lembrando que nenhuma mulher tem culpa de ser traída. Porém, se o relacionamento estava em uma fase ruim e muitas brigas estavam acontecendo de forma recorrente, o perdão se torna algo mais simples, mesmo que muito doloroso.
Mas, se o relacionamento estava em uma ótima fase e não tinha um motivo aparente para a traição acontecer, isso é um sinal que o homem não sente mais nada pela mulher. 

Ele repetiria essa atitude?

Em quarto lugar, outra pergunta muito importante para se fazer é se a atitude pode acontecer novamente.
Ou seja, se a traição aconteceu quando o companheiro estava bêbado em uma balada com os amigos, por exemplo, será que se em outra ocasião parecida, essa atitude poderia se repetir.

Houve arrependimento?

Por fim, a última e decisiva pergunta é referente ao arrependimento. Muitos dizem que o perdão só pode ser dado para quem se arrependeu.
Portanto, se um homem que traiu não tem arrependimento pela sua atitude, significa que ele gostou de fazer e, provavelmente, faria de novo. Refletir em cada uma dessas perguntas pode ser importante para uma tomada de decisão assertiva.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade