in

21 anos depois, é assim que estão os primeiros sétuplos saudáveis do mundo

Confira uma imagem recente, 21 anos após o nascimento dos sétuplos que encantaram o mundo.

Reprodução/Diário de Biolgia
Publicidade

Criar um filho requer muito tempo, dedicação, paciência e muito, muito carinho. Além disso, é necessária muito adaptação, depois do nascimento de uma criação, todo o interno de uma família muda completamente.

No caso da família Mc Caughey, toda essa dedicação, tempo e carinho teve que ser multiplicada por 7, após o nascimento dos sétuplos, em 1997.
Como será que está a vida dos primeiros sétuplos gêmeos após 21 anos do nascimento?

Publicidade

Em 1997, Bobby Mc Caughey, a mãe sortuda, junto com seu marido Kenny tiveram suas vidas viradas de ponta cabeça, se tornando os primeiros pais no mundo a terem sétuplos gêmeos saudáveis.

Publicidade

A história começou quando o casal decidiu ter um segundo filho utilizando um tratamento de fertilização. Porém, o tratamento deu tão certo que o casal recebeu a notícia que teriam sete de uma única vez. O médico após ver que seria uma gestação muito grave, falou para o casal diminuir o número de filhos de forma artificial, mas o casal se negou.

Publicidade

As crianças nasceram fracas, a mais leve delas com um pouco mais de 1,10 kg, e a mais pesada com cerca de 1,5 kg. O parto foi difícil e duas crianças nasceram com paralisia cerebral, porém, após cirurgias, os bebês puderam crescer saudáveis.

Sustentar 8 filhos não seria nada fácil, porém, o casal foi presenteado com uma casa nova, uma van para caber todos os filhos, muitas fraldas, suficiente para 2 anos e comida para um ano todo.
Além disso, as 7 crianças também ganharam bolsas integrais para estudarem sem maiores investimentos.

Atualmente, todos os 7 irmãos estão saudáveis, vivendo a vida normalmente. A irmã mais velha do grupo, Micayla casou-se, e os seus outros irmãos já estão com planos para saírem da casa dos pais, que por sinal, continua sendo a mesma.

Segundo a mãe, Bobby Mc Caughey, quando todos os filhos forem embora, será algo drástico. Porém, ao invés da casa cheia de filhos, logo estará lotada de netos correndo pela casa toda.

Publicidade