in

Este brasileiro saiu para comprar pão e acabou no exército nazista

Conheça a história deste brasileiro que saiu para comprar pão e acabou se tornando um soldado de Hitler.

Foto: Arquivo Pessoal
Publicidade

Muitas pessoas dizem que estão tendo um dia difícil ou que a sorte não está do lado delas. Porém, no caso do curitibano Host Brenke, o azar de toda a sua vida estava presente no momento que ele saiu para comprar pão em Berlim, Alemanha.

A Incrível história do brasileiro saiu pra comprar pão e acabou na guerra defendendo o exército nazista

Filho de pais alemães, Host nasceu no Brasil, no entanto, sua família decidiu voltar para a Alemanha para aproveitar a próspera economia que o país vivia na época.

Publicidade

Porém, 6 anos depois de voltar para a Alemanha, em um dia como qualquer outro, Host estava indo comprar pão para sua família, porém, no caminho, foi parado e recrutado para servir nas fileiras do exército Nazista de Hitler, em maio de 1945.

Publicidade

Publicidade

Sua sorte foi que a segunda guerra estava no fim e Hitler já havia sido morto. No entanto, o exército Nazista estava unindo forças para impedir a tomada de Berlim pelo exército vermelho de Stalin.

Mas o plano não deu certo e Host foi capturado e se tornou um prisioneiro de guerra por um ano e três meses, tudo isso sem dar um tiro sequer.

Host enquanto estava preso fazia anotações em seu diário, essas anotações eram todas inéditas, ninguém havia lido o diário de Host até então. Porém, Tarcísio Badaró, conseguiu acesso exclusivo ao diário e com o auxílio de documentos da época, histórias de amigos e familiares, Badaró escreveu o livro “Era um Garoto — O Soldado Brasileiro de Hitler” que foi publicado pela Editora Vestígio.

Ao sair da prisão, Host voltou a sua vida normal, retornando ao Brasil em 1946. No Brasil, o ex-soldado viveu o resto da sua vida em Belo Horizonte, Minas Gerais, se casou e foi pai de 7 filhos, aos 57 anos, Host foi morto vítima de câncer.

Publicidade