in

Datena solta os cachorros contra Bolsonaro, após agressão à repórter; não deixou barato

José Luiz Datena defendeu a repórter Clarissa Oliveira, da Band, agredida por uma apoiadora do presidente Jair Bolsonaro durante ato.

Band / Montagem
Publicidade

O apresentador José Luiz Datena soltou os “cachorros” irritado com uma situação que aconteceu com uma repórter da Band. Nesta segunda-feira, 18 de maio, Datena falou sobre o caso em que a jornalista Clarissa Oliveira foi atacada por uma manifestante que protestava a favor do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

No domingo, 17, a repórter estava ao vivo em Brasília, quando foi atingida por uma bandeira segurada por uma mulher. A bolsonarista chegou a rir ao pedir desculpas. Datena não gostou da situação e, durante o Brasil Urgente, pegou pesado contra esse tipo de manifestação e também voltou a criticar o presidente do Brasil. É o que mostra uma matéria do site Natelinha.

Datena, assim como faz a Globo, disse que as manifestações a favor do presidente não eram democráticas. O presidente citou que, dessa vez, foram retiradas faixas que pediam o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF) e a intervenção militar. No entanto, essas só foram realmente tiradas da parte próxima à rampa do Palácio do Planalto.

Publicidade

Para Datena, no entanto, os atos nada tinham de democráticos. “Agredir a nossa repórter com uma bandeira brasileira é uma demonstração de que não tem nada de democracia nisso aí. Pelo contrário, é desrespeito total a uma cidadã que está realizando o seu trabalho e desrespeito total à nação brasileira, porque a bandeira é o nosso símbolo”, disse o apresentador da Band revoltado.

Publicidade
Publicidade

“Escutem o que eu estou dizendo: vai sair morte já já por causa dessa animosidade que nós temos”, finalizou o jornalista sobre o tema.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.