in

Novo coronavírus foi criado em laboratório chinês, revela Nobel de Medicina

Isto é
Publicidade

Luc Montagnier, ganhador do prêmio Nobel de Medicina de 2008, criou uma polêmica em todo cenário científico mundial nesse final de semana. Tudo porque, após analisar o novo coronavírus, ele entendeu que o vírus foi criado por acidente em um laboratório da China. Para o cientista, que descobriu o HIV na década de 1980, o vírus foi criado quando cientistas de Wuhan estariam tentando criar uma espécie de vacina para a Aids.

Luc Montagnier, prêmio Nobel de Medicina, acaba aderindo à teses parecidas de políticos. O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi um dos que fez questão de chamar o coronavírus de “vírus chinês”. Autoridades brasileiras também já fizeram comentários polêmicos sobre a China durante a pandemia.

O prêmio Nobel diz que o vírus teria traços do HIV e também da malária. “Isso foi uma surpresa para mim, pois era exatamente o HIV”, disse o cientista, que na sequência garante ainda que não tem como o vírus da Aids ter mudado e evoluído para o coronavírus atual. Ele garante que as características atuais somente seriam adquiridas em laboratórios.

Publicidade

A tese de Luc Montagnier é contrária a de outros cientistas. Alguns estudos garantem que não há evidências que o curso do coronavírus não tenha sido o natural, ou seja, que a mutação tenha ocorrido na natureza.

Publicidade

“A história que veio de um mercado de peixes é uma lenda”, garantiu o cientista, que na década de 1980 foi considerado revolucionário. Ainda não há qualquer previsão para uma vacina para o novo coronavírus. Por isso, cientistas de todo o planeta estudam esse vírus.

FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.