in

Mandetta faz declaração, supostamente para o novo ministro: ‘não conhece bem o SUS’

Reprodução: Socialismo Criativo
Publicidade

Diante da demissão do até então ministro da Saúde, ocorrida nesta quinta-feira (16), o médico e ex-deputado, Luiz Henrique Mandetta, deixa o cargo que ocupava desde 2018, época em que foi convidado pelo presidente Jair Messias Bolsonaro para comandar a equipe responsável pela saúde do país.

Anteriormente ao anúncio oficial da demissão e do novo nome encarregado pelo Ministério, na manhã desta quinta-feira (16), já com alguns rumores sobre sua demissão, Mandetta aproveitou para fazer algumas declarações em uma live com o Fórum de Inovação Saúde (FIS).

Sem citar nomes, tampouco o do médico Nelson Luiz Sperle Teich, mas supostamente referindo-se a ele, Mandetta disse que o conheceu em Londres e destacou o fato de ele ser um profissional mais voltado para o âmbito das pesquisas, chamando atenção para o pouco conhecimento que possui em relação ao Sistema Único de Saúde (SUS), disse: ‘O Denizar conhece bem, eu também o conheci em Londres, é um pesquisador. Mas não conhece bem o SUS. Não tem problema, o Denizar ajuda […]
.

Publicidade

Nelson Teicher é formado na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), com especialização na área de oncologia. Muito se questiona acerca de qual posicionamento ele adotará no comando da saúde do país, principalmente em relação aos métodos de combate ao novo coronavírus.

Publicidade

O novo ministro possui uma página na rede social LinkedIN, e já chegou a dar alguns indícios de seu posicionamento em relação ao isolamento social. No dia 02 de abril, ele se posicionou de modo favorável ao chamado isolamento horizontal, aquele que prevê o isolamento social de todos os indivíduos que não praticam atividades essenciais.

Publicidade