Jael projeta retorno ao Grêmio e surpreende com declaração

Leia também

Após deixar o Grêmio, Marinho reclama do Santos: ‘quatro meses que não recebo’

Atacante desabafou nas redes sociais, após ser criticado por torcedores do Peixe.

Atriz que faz grande sucesso no SBT tem o salário reduzido devido à crise do coronavírus

Angelique Boyer e diversos outros artistas tiveram o salário reduzido na Televisa devido a crise financeira da emissora, causada pelo COVID-19.

Lutador famoso morre após tentar salvar o filho de afogamento: ‘Um herói’

O corpo do ex-lutador da WWE Shad Gaspard foi encontrado nesta quarta-feira (20).

Viviane Araujo pede indenização de R$ 30 mil e processa esposa de seu ex

Viviane Araujo processou Caroline Furlan, atual mulher de Radamés Martins, com quem foi casada.
Diogo Marcondes
Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.
Publicidade

O atacante Jael é muito querido pela torcida do Grêmio. Ele foi vendido ao futebol japonês em 2019 e atualmente defende Matsumoto Yamaga, do Japão. Ele tem contrato outro clube japonês, o Tokyo FC, até 2021. “Jael, o Cruel” poderia resolver os problemas ofensivos do Tricolor na opinião de alguns torcedores.

Jael seguiu o que tem sido moda entre os jogadores de futebol no período de quarentena devido à pandemia causada pelo novo coronavírus e fez uma live no Instagram. O ex-atacante do Grêmio recordou o título da Copa Libertadores de 2017 e afirmou que o sonho de toda criança sul-americana é ser campeã da Libertadores.

Publicidade
Publicidade

Jael recordou que chegou ao Grêmio contestado, cercado de desconfiança e ainda sofreu uma lesão que o tirou dos gramados por sete meses. “A volta por cima naquele ano foi muito gratificante pra mim. Joguei o Mundial de Clubes, a final, a semifinal fiz um jogo muito bom. Foi um marco na minha vida”, contou o jogador.

Publicidade

O ex-atacante também falou que saiu do Grêmio com o coração apertado quando foi negociado com o time japonês. Sobre uma possível volta ao Tricolor, Jeal foi bastante realista ao afirmar que ainda não sabe se isso vai acontecer.

Publicidade

“Não sei se um dia vou voltar para o Grêmio, mas se eu não voltar, acho que pude aproveitar todos momentos que vivi. Voltar não depende só de mim, se dependesse só de mim já tinha voltado há muito tempo. Tenho quase dois anos de contrato, estou emprestado, pretendo cumprir, fazer um bom ano. Meu pensamento é esse”, contou o jogador. Se depender da torcida, com certeza ele volta.