in

Corinthians sofre ‘golpe’ da Globo e desfalque financeiro causa impacto

Arte Diogo Marcondes
Publicidade

O futebol brasileiro vive um momento complicado. Os jogos estão paralisados devido à pandemia causada pelo novo coronavírus e os clubes já reclamam da situação financeira, que já não era boa para alguns e pode ficar ainda pior sem partidas. 

O dinheiro da bilheteria já era caso certo de que não entraria. Sem jogos, sem renda. Mas os clubes começaram a perder também o dinheiro da TV. A Rede Globo não depositou para o Corinthians e as demais equipes, o dinheiro referente aos direitos de transmissão do Campeonato Paulista.

Publicidade

A emissora paga mês a mês e com a paralisação do futebol decidiu suspender os pagamentos. Cada clube grande de São Paulo receberia R$ 26 milhões pelo Campeonato Paulista. A parcela será paga se o torneio voltar. O grande problema é que isso não deve acontecer.

Publicidade

O Paulistão terminaria em abril. Em maio começaria o Campeonato Brasileiro. Não se sabe quando os jogos retornarão e há dúvidas sobre o sistema de disputa do Brasileirão. Há quem fale em torneio de único com mata-mata. Nada está definido até o momento.

Publicidade

Sem datas, os Estaduais seriam cancelados e poderiam ter ou não campeões, de acordo com a decisão de cada federação. O Corinthians corre o risco de ser eliminado na primeira fase. Antes da paralisação, ocupava a terceira posição em seu grupo.

Além de não receber o dinheiro da TV, o Corinthians perdeu dois patrocinadores em meio à crise. A Marjosports, presente no uniforme, deixou o clube. A Orthopride, que aparecia nas redes sociais, placas e CT também anunciou a saída. Duas fontes de renda a menos neste momento difícil.

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br