in

Meditação pode ser aliada no fortalecimento do sistema imune durante pandemia

ISTOCK
Publicidade

A terrível pandemia do novo coronavírus vem deixando a população mundial com os nervos a flor da pele. Os noticiários trazem uma enxurrada de informações todos os dias e mostram os dados que geram maior preocupação, o número de mortos vítimas da doença.

A doença surgiu no final do ano de 2019 na China e de lá se espalhou pelo mundo todo. Infelizmente, a enfermidade ainda não tem um remédio e muito menos uma vacina. Cientistas de várias localidades têm trabalhado incansavelmente para tentar encontrar uma vacina.

No entanto, o que se sabe da Covid-19 até agora é que ela acomete com maior gravidade pessoas que fazem parte do grupo de risco, idosos e portadores de doenças crônicas. Para tentar minimizar os danos e evitar a disseminação ainda mais acelerada, a OMS orientou que os governantes adotassem a quarentena.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mas, como se proteger efetivamente dessa terrível pandemia? O ideal é seguir as orientações do isolamento social, manter as regras básicas de higiene e ficar em casa todos aqueles que podem. Tentar manter a imunidade fortalecida também é muito importante.

A forma correta para conseguir um sistema imune forte é mantendo uma boa alimentação e também meditar. A meditação pode auxiliar a manter o sistema imunológico funcionando de forma adequada. Isso ocorre porque uma circunstância que causa estresse como a pandemia, pode atuar diretamente de forma negativa no organismo.

Uma prática consistente de meditação pode ajudar a responder melhor a situações de estresse”, explicou a especialista Ellie Burrows durante uma entrevista concedida a CNN. Portanto, aproveite esse tempo de quarentena para usufruir dos bens da meditação.

Publicidade
Publicidade