in

Técnica de respiração para aliviar cansaço e dor de cabeça de maneira rápida e eficiente

Divulgação/Green
Publicidade

A dor é um sinal do corpo avisando que algo não vai bem. Uma das dores mais recorrentes na maior parte das pessoas é a dor de cabeça. Extremamente incômoda, a sua origem pode ter várias causas. Pode ser uma dor de cabeça devido a tensão do dia a dia, enxaquecas, gripes e vários outros motivos.

Se você tem sentido muito cansaço e dor de cabeça, provavelmente pode ter ligação com uma rotina estressante. Infelizmente, a maior parte das pessoas acaba vivendo no limite, com uma rotina apertada e sempre com tempo contado devido as tarefas excessivas. É comum que os trabalhos exijam do funcionário um ritmo intenso ou possuem uma longa carga horária.

Por causa disso, sintomas relacionados ao desgaste físico acabam sendo considerados comuns, porém não são. Portanto, não ignore os sinais que o seu corpo estiver emitindo, pois pode ser um pedido de socorro e talvez um sinal de alerta para algo mais sério. A exaustão não tratada pode acabar desenvolvendo algo muito mais grave, levando a sérios danos à saúde como depressão, fraqueza, dores que se tornam crônicas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Este artigo vai ensinar uma técnica incrível de respiração que vai ajudar muito na melhora da saúde provocando uma sensação quase que imediata. Pode até parecer estranho que apenas respirar possa trazer benefícios ao corpo. Na verdade, trata-se de uma técnica antiga que é passada de geração em geração.

O objetivo é retirar dos pulmões todo ar, algo que a maioria não faz, porque acaba respirando errado usando apenas metade da capacidade dos pulmões. Se o problema for dor de cabeça, você vai fechar a narina direita e respirar apenas com a esquerda. Faça esse exercício por cerca de 5 minutos e já vai sentir uma melhora na dor.

Caso o problema seja fadiga ou estressa, você vai fechar a narina esquerda e respirar usando a direita, o oposto da primeira dica. Faça por aproximadamente 5 minutinhos e já vai ter uma mudança bem significativa. Faça o teste e comprove, depois deixe nos comentários sua opinião.

Lembrando que se a dor persistir, é importante consultar um médico de sua confiança.

Publicidade
Publicidade
Publicidade