in

7 remédios caseiros e naturais para aliviar os sintomas do herpes de forma rápida

Divulgação/Curapelantureza
Publicidade

Segundo dados da OMS – Organização Mundial de Saúde – é estimado que cerca de 3,7 bilhões de pessoas, com idade inferior a 50 anos, tenham herpes tipo 1. Isso quer dizer que praticamente metade da população do mundo.

Já a herpes do tipo 2, é estimado que tenha aproximadamente 417 milhões de infectados com o vírus. Herpes é uma enfermidade provocada por dois tipos diferentes de vírus, o varicela zoster, o mesmo que provoca a catapora e o herpes vírus tipo 1 e 2 que provocam o chamado herpes simples.

O tratamento contra essa doença pode variar entre medicamentos tópicos, mas dependendo do caso pode ser indicado o uso de antibióticos. Mas, se você não tiver nenhum remédio disponível e quiser algo mais natural, esse artigo vai dar algumas dicas simples para aliviar o herpes.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Leite

O leite possui em sua composição aminoácido L-lisina, que ajuda a evitar a recorrência do vírus reduzindo a duração do herpes comum. A lisina retém cálcio, que ajuda a promover a cura de maneira mais rápida. Para usar é simples, basta umidificar um algodão e aplicar na região afetada. Pessoas intolerantes ao leite não devem usar esse método.

Alcaçuz

A raiz dessa planta tem compostos que atuam na redução dos sintomas provocados pelo herpes. A glicirrizina ajuda no alívio da inflamação e os flavonóides atuam bloqueando o crescimento do herpes. Para preparar é simples, basta macerar a raiz e misturar em um copo de água quente por cerca de duas horas. Use na região afetada duas vezes ao dia.

Água oxigenada 10 volumes

Talvez você não saiba, mas esse é um poderoso antisséptico. Atua neutralizando bactérias, vírus e fungos. Misture duas colheres do produto em 50 ml de água (deve ser fervida). Aplique no local afetado com o auxílio de um cotonete. Pode ser usado até três vezes por dia.

Alho

O alho possui propriedades medicinais importantes, entre elas atua como antibacteriano e regenerador. Faça uma pastinha de alho e aplique no local deixando agir entre 15 a 20 minutos na região inflamada.

Óleo de hortelã-pimenta

Possui alto poder antiviral, auxilia evitando a propagação da doença e regenerando o tecido que está danificado. Aplique diretamente no local da inflamação. Pode ser usado até três vezes ao dia.

Babosa

Muito usado na indústria da beleza, a planta também tem propriedade antivirais e antibacterianas. Com a ajuda de um cotonete, aplique o gel da aloe vera no local. Pode ser usado durante três dias.

Gelo

Especialistas já comprovaram que o gelo é um eficaz analgésico. Basta aplicar uma compressa na área afetada deixando agir por no máximo três minutinhos.

Publicidade
Publicidade