in

Apresentadora da Globo se revolta ao vivo com ministro da Saúde e faz desabafo forte

Globo / Montagem
Publicidade

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, orientou que os brasileiros evitassem ficar o tempo todo assistindo telejornais e lendo notícias da internet. O ministro criticou a imprensa por vender sempre más notícias e nunca dar valor quando o assunto é bom, pois segundo ele, isso ‘não vende’. No entanto, Ana Paula Araújo, no Jornal Nacional, detonou o ministro ao vivo. 

“O ministro da Saúde encontrou uma outra maneira de agradar o presidente. Criticou o trabalho da imprensa afirmando que os meios de comunicação são ‘sórdidos’, porque, na visão dele, ‘só vendem se a matéria for ruim’”, disse a apresentadora que cobriu a folga de Renata Vasconcellos no Jornal Nacional.

“Na pandemia de um vírus letal contra o qual não há medicamento ou vacina, é estarrecedor que ele não reconheça que o nosso trabalho é um remédio poderoso: dar informação para que o povo possa se proteger”, continuou a apresentadora, que ainda lembrou que, assim como ela, muitos profissionais da comunicação estão arriscando a vida para passarem informações sobre o vírus e assim ajudar a sociedade brasileira nesse momento tão difícil  do mundo. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

“Arriscando nossa saúde para cumprir a nossa missão. E fazemos isso com orgulho”, disse a comunicadora da Globo, que “bateu” no ministro da saúde ao vivo para um audiência de milhões de pessoas em todo o país. 

Veja abaixo o vídeo que mostra a apresentadora Ana Paula Araújo fazendo um desabafo ao vivo contra o Ministro da Saúde; o desabafo da jornalista teve grande repercussão na internet, como mostra uma matéria publicada pelo site RD1 Audiência. 

Nas redes sociais, o público se dividiu. Apesar de muitos elogiarem o trabalho da imprensa, alguns lembraram que a função de Ministro da Saúde em meio à uma pandemia também era muito complicada.

Publicidade
Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.