in

Coronavírus: Brasil tem explosão de internações por problemas respiratórios, após Covid-19

Veja
Publicidade

A Fiocruz informou que, após o primeiro caso de coronavírus no Brasil, o país passou a apresentar uma explosão de registros de internação com pessoas apresentando insuficiência respiratória grave. Enquanto os casos aumentam, as vagas nos hospitais diminuem e autoridades se mobilizam para evitarem a falta de leito.

No dia 25 de fevereiro foi registrado o primeiro caso de Covid-19 no Brasil e neste período 662 pessoas precisaram ser internadas, apresentando doença respiratória aguda, com tosse, febre e garganta doendo.

Na semana de 15 a 21 de março, o número de internação saltou para 2.250. Isto mostra a rapidez com que a pandemia segue avançando por todo país, mesmo com a orientação de que a população fique em quarentena.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

É um número dez vezes maior do que a média histórica, de cerca de 250 casos de hospitalização nos meses de fevereiro e março, em anos anteriores“, informou Marcelo Ferreira, pesquisador da Fiocruz – Fundação Oswaldo Cruz.

Marcelo Ferreira é responsável por coordenar o InfoGripe, onde são monitorados os dados da SRAG – Síndrome Respiratória Aguda Grave, em todo país. O pesquisador acredita que os dados apontam que a Covid-19 vem causando um aumento no número de internações, por isso é preciso que se tomem medidas urgentes para combater o coronavírus.

Nas duas últimas semanas, houve uma explosão. Essa curva aumentou drasticamente, possivelmente por causa do coronavírus“, explicou o pesquisador da Fiocruz. Apesar do crescente número de casos confirmados, muitos ainda são a favor do fim do isolamento e a retomada do trabalho para que a economia do país não seja ainda mais afetada.

Publicidade
Publicidade
Russel

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: [email protected]