Saiba sintomas poucos conhecidos do Covid-19; cansaço está entre eles

Leia também

Rivais no BBB20, Daniel, Prior e Pyong serão reunidos pelo Multishow; saiba quando

Felipe Prior, Pyong Lee e Daniel Lenhardt estarão virtualmente juntos no comando do TVZ, do Multishow.

Vídeo mostra estado de Mamma Bruschetta após sofrer acidente doméstico

A apresentadora postou um vídeo em seu Instagram para tranquilizar seus seguidores.

Prefeito tenta acalmar a população sobre coronavírus: ‘Todos nós seremos contaminados’

Prefeito do município de Limeira tenta acalmar a população pela pandemia do coronavírus.

O que o segurança de Bolsonaro fez com a equipe da Globo é surpreendente

Profissional surpreendeu apoiadores de Bolsonaro e solicitou respeito aos jornalistas que ali trabalhavam.
Bruno Avila
Redator de futebol e política desde 2016. Hoje um dos profissionais mais lidos da 1News.
Publicidade

A doença Covid-19, causada pelo novo coronavírus, vem sendo muito divulgada em todo o mundo. Isso porque está acontecendo uma pandemia global neste momento. Contudo, poucos sabem se atentar a todos os sintomas que podem estar presentes na doença.

Um estudo feito na China com 138 pacientes de Covid-19 identificou os principais sintomas da doença. A febre é predominante em 99% dos pacientes infectados com o vírus. O aumento de temperatura geralmente ocorre nos primeiros dias da doença.

Publicidade

Um sintoma que poucos sabem é a fadiga. Se você está cansado, pode estar com Covid-19. A fadiga apareceu em mais da metade dos pacientes com Covid-19, assim como a tosse seca.

Uma quantidade menor dos pacientes, um terço apresentaram dificuldade para respirar e algumas dores musculares. O período médio de incubação da Covid-19 é de cinco dias. Geralmente no sétimo dia as pessoas vão aos hospitais queixarem a suspeita da doença, segundo uma pesquisa feita pela Universidade de Wuhan, na China.

Publicidade

O tempo de internação para que os pacientes se curem totalmente da doença é de 14 dias. Por conta da dificuldade respiratória que alguns pacientes apresentam, é essencial um aparelho respiratório, o que acaba se tornando o grande problema para a saúde pública e privada.

Estes respiradores existem em pequenas quantidades nos hospitais. Assim alguns pacientes em estado grave podem morrer por falta do equipamento.

O essencial para evitar superlotamento nos hospitais é a prevenção para que não hajam mais infectados. Caso você esteja com sintomas, só vá ao hospital se sentir falta de ar, pois caso o contrário não é um caso grave da Covid-19 e não oferece grandes riscos.

Publicidade