Pandemia apocalíptica: carta da ONU para Bolsonaro prevê cenário devastador

Leia também

Vidente Carlinhos revela a verdadeira razão de possível queda de Bolsonaro na presidência

Em novo vídeo, o vidente Carlinhos comenta sobre a queda de Jair Bolsonaro na presidência.

Esta foto parece normal, mas quando você notar o erro vai ficar arrepiado

A divulgação da fotografia rapidamente se tornou um desafio nas redes sociais.

Coronavírus: vidente Carlinhos causa terror ao dizer que tudo vai piorar na pandemia

Em novo vídeo, o vidente Carlinhos faz apelo a todos e diz que vai piorar muito a pandemia.

Patrícia Abravanel dá notícia sobre Silvio Santos que ninguém gostaria de ler

Patricia Abravanel fala da quarentena e emociona: 'Ver meu pai de máscara foi esquisito'
Russel
Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br
Publicidade

Antônio Guterres, secretário-geral da ONU, enviou uma carta ao presidente Jair Bolsonaro e a todos os líderes do G-20 nesta última segunda-feira (23), alertando as maiores economias do mundo para que fiquem unidas e assim tentem combater a crise que vem sendo gerada pelo novo coronavírus.

Para a ONU, o G-20 precisa encontrar uma saída para os países mais pobres porque a situação tende a piorar ainda mais nas próximas semanas. O UOL informou que conseguiu uma cópia do documento que faz um alerta de que o mundo pode enfrentar uma ‘pandemia de proporções apocalípticas’.

Publicidade

Nesta semana tem uma reunião marcada para o G-20, e eles irão mantê-la, apesar de existir uma dificuldade para que encontrem um plano comum. Guterres fez questão de ressaltar que o mundo espera que o G-20 encontre uma ação que consiga salvar o mundo do caos em que está mergulhando.

Publicidade

Os países ricos estão enfrentando grandes desafios e o impacto sócio-econômico será enorme. Baseado nisso, é possível imaginar então o que acontecerá com os países pobres. O chefe da ONU falou em uma recessão e que será preciso uma resposta inédita à pandemia causada pelo coronavírus, mas ele acredita que esta será a oportunidade do G-20 se mostrar solidário ao restante do mundo, de forma especial com os mais vulneráveis.

Publicidade

Outro pedido feito pela ONU é que haja coordenação de forma que os suprimentos médicos cheguem a todos os cantos do mundo e nenhum país possa barrar a exportação dos equipamentos e também remédios.

Qualquer coisa que não atenda esse compromisso poderia levar a uma pandemia de proporções apocalípticas afetando a todos nós“, afirmou o secretário-geral.