in

Luto: músico morre após contrair coronavírus e fãs lamentam sem acreditar

Area Vip
Publicidade

O coronavírus, atualmente nomeado de Covid-19, está fazendo vítimas no mundo inteiro e causando grande pânico entre os cidadãos. Até o momento, a doença, cuja cura ainda não foi encontrada, acometeu mais de 300 mil pessoas e tem um alto índice de mortes, chegando a mais de 17 mil em diversos países. 

Uma das pessoas que foram afetadas pelo coronavírus foi o músicas de jazz Emmanuel N’Djoké Dibango, que ficou mais conhecido no mundo pelo nome artístico Manu Dibango. O artista foi acometido pela doença há cerca de uma semana e precisou ser internado para tratar do problema.

Publicidade

Infelizmente, Manu não conseguiu resistir ao Covid-19 e veio a óbito nesta terça-feira (24/03). O anúncio do falecimento foi feito através da página do cantor em uma rede social: “É com profunda tristeza que anunciamos a perda de Manu Dibango, nosso ‘Papy Groove”, dizia a publicação.

Publicidade

Dibango tinha 86 anos de idade e nasceu na cidade de Duala, em Camarões. Ele começou a fazer sucesso nos anos 70 e ganhou popularidade no Brasil após a canção Soul Makossa, nome dado a seu primeiro disco. Além desse, outros trabalhos do famoso tiveram grande sucesso, como Makossa Man, Super Kumba e The World of Manu Dibango, todos da mesma década.

Publicidade

Chers parents, chers amis, chers fans,Une voix s’élève au lointain…C'est avec une profonde tristesse que nous vous…

Gepostet von Manu Dibango – Officiel am Dienstag, 24. März 2020

A família de Dibango se pronunciou após a morte do artista e revelou que o funeral será realizado de forma íntima, sem abrir ao público. Os parentes ainda pedem que aqueles que tenham interesse em mostrar suas condolências façam isso através de emails. Os familiares também disseram que pretendem organizar um tributo ao falecido assim que possível. Os fãs de Manu ficaram devastados com a notícia e deixaram mensagens nas redes sociais.

Publicidade