in

Filhos de profissionais de saúde apelam para pessoas ficarem em casa: ‘quero mamãe de volta’

G1
Publicidade

A pandemia do novo coronavírus no Brasil e no mundo segue com dados cada vez mais alarmantes. Os últimos números divulgados no início da noite desta terça-feira (24) mostram que, no mundo, há mais de 417 mil casos confirmados, sendo que mais de 18 mil foram a óbito.

A situação do Brasil também segue com bastante gravidade, sendo que, no Brasil, já são 2.153 casos confirmados e 46 fatais. O número é desesperador, uma vez que em 24 horas aumentaram mais de 500 casos confirmados no país.

O Ministério da Saúde e diversas outras secretarias pedem para que as pessoas saiam de casa o mínimo possível e caso seja necessário, que tomem as medidas básicas para conter a propagação, evitando lugares aglomerados, bem como lavar bem as mãos com água e sabão e usar álcool em gel quando preciso.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Porém, algumas pessoas não tem o privilégio de poder trabalhar em home office em suas residências, nem podem ficar, uma vez que elas fazem parte dos serviços essenciais que não podem parar, como é o caso dos profissionais de saúde que precisam, mais do que nunca, trabalharem em seus postos de trabalho.

Para ajudar a conscientizar ainda mais as pessoas para ficarem em suas casas, filhos de profissionais tem apelado para que as pessoas fiquem em casa e assim seus papais e mamães voltem bem para as suas, como é o caso da pequena Ana Helena, de apenas dois anos e nove meses.

“Fiquem em casa por mim. Quero minha mamãe de volta sã e salva”, diz ela em seu cartaz. Ela é filha da enfermeira Blandina Dutra, uma das milhares de profissionais de saúde que precisam deixar o conforto e a segurança de seus lares para atender os pacientes em meio à pandemia do novo coronavírus no país.

Publicidade
Publicidade
Nado News

Escrito por Nado News

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 8 anos, trabalho também como redator há cerca de 3 anos, o que fez despertar uma nova paixão. Tanto que, atualmente, sou graduando em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail [email protected] .