Quem terá direito ao vale de R$ 200 e como pedir? Descubra tudo o que se sabe a respeito

Leia também

Lembra do saradão de Fina Estampa? Aos 54 anos, suas fotos impressionam: ‘Lindo’

Ator, que mora na Califórnia com a família, relembra dura perda de uma filha e comove.

Lembre as coisas que eram comuns na sua infância, mas hoje não inacreditáveis

Os hábitos mudam e hoje é quase impossível acreditar que essas coisas fizeram parte da infância de muita gente.

Pai, mãe e seus 11 filhos são infectados com coronavírus: ‘Foi um momento difícil’

De acordo com a mídia local, a mãe das crianças foi a primeira infectada com o vírus.

Esta garota de 11 anos vai casar, a família sabe e o motivo vai te fazer chorar

O consentimento da família mostra o motivo dela estar em prantos e a nobre atitude.
Russel
Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br
Publicidade

Um benefício no valor de R$ 200 reais foi anunciado recentemente pelo governo, este valor seria pago pelo prazo de 3 meses a todos os trabalhadores de baixa renda e que sejam autônomos, informais ou estejam desempregadas. Quem tem carteira assinada não receberia este benefício.

Quem recebe outro benefício, como seguro-desemprego e Bolsa Família, também não teria direito. Se esta medida vier a ser aprovada poderá beneficiar até 20 milhões de pessoas em todo o Brasil e assim ajudaria a minimizar os prejuízos que esta pandemia estaria causando.

Publicidade

O Ministério da Economia segue em busca de soluções para ajudar o trabalhar e empresários a superarem os problemas causados pelo novo coronavírus.

Publicidade

Só que este benefício de R$ 200 ainda não está valendo, é muito importante ressaltar isso porque já existem golpes na internet e muitas pessoas já foram enganadas. Essa ajuda deverá ser implementada através de um projeto de lei que o governo federal encaminhará ao Congresso Nacional e só terá validade caso venha a ser aprovada.

Publicidade

O governo já adiantou alguns pontos desse projeto, por exemplo, cada pessoa que tiver direito ao benefício receberia R$ 200 mensais por 3 meses. Terá direito quem não tem carteira assinada, além de microempreendedores individuais e os desempregados que se enquadrarem no CadÚnico.

Para ter direito aos R$ 200, não pode estar recebendo benefícios, como o Bolsa Família, aposentadoria, pensão, Benefício de Prestação Continuada, entre outros. O governo acredita que de 15 a 20 milhões de brasileiros terão direito a este auxílio.

Quem já está cadastrado no CadÚnico, automaticamente está inscrito para receber os R$ 200 se o projeto for aprovado. Quem não está inscrito, terá que se inscrever no Cadastro Único através de um site que ainda será divulgado.