in

Coronavírus: Famoso pastor da televisão pede dízimos via internet após cultos serem suspensos

Reprodução/RIT TV
Publicidade

A pandemia pelo novo coronavírus, que gera crise no Brasil, obrigou a extinção temporária das aglomerações de pessoas. Uma das classes mais afetadas foi a religiosa. Igrejas precisaram suspender suas atividades, tendo em vista a facilidade de contaminação pelo agente infeccioso em condições de proximidade entre pessoas.

Conhecido em todo o Brasil por conta de seus programas e cultos pela televisão, o pastor R.R. Soares, líder da Igreja Internacional da Graça, está fazendo um clamor aos seus fiéis, tendo em vista a suspensão das atividades religiosas dentro dos templos. Através de lives feitas pela internet, ele pede para que as doações não sejam cessadas.

Publicidade

Aos 72 anos de idade, o líder religioso aparece nas imagens usando uma máscara, e demonstrando contrariedade em relação aos apelos feitos pelas autoridades nacionais. “Queria agora dar nossas contas pros irmãos, porque se estivessem na igreja vocês fariam suas ofertas, entregariam seus dízimos. Mas não pode, tá proibido aí. Quer dizer, tá orientado a não sair de casa”, diz o pastor.

Publicidade

Na sequência, ele enumera um leque de instituições bancárias pelas quais os fiéis poderão fazer seus depósitos, repassando, pausadamente, os números de cada uma das contas. A Igreja Internacional da Graça foi fundada em 1980, após R.R. Soares romper com a Igreja Universal e com o seu cunhado, o bispo Edir Macedo. Hoje, sua igreja conta com aproximadamente 1 milhão de fiéis, distribuídos em 192 países e com 5.000 templos.

Publicidade

No mundo da televisão, Soares comanda a emissora RIT TV, cujas transmissões se fazem presentes via programação aberta em várias cidades pelo Brasil. Além disso, ele gerencia uma pequena operadora de TV por assinatura, a Nossa TV, que priva dos assinantes todos os conteúdos que sejam violentos ou sensuais.

Publicidade
Henrique

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.